Vagas: empresas inovadoras e startups estão contratando em meio à crise - WHOW
Vendas

Vagas: empresas inovadoras e startups estão contratando em meio à crise

Levantamento feito pelo Whow! mostra que, apesar do atual cenário no Brasil, há vagas em startups e companhias inovadoras em diferentes áreas

POR Adriana Fonseca | 07/04/2020 15h42 Vagas: empresas inovadoras e startups estão contratando em meio à crise Arte Grupo Padrão (@flaviopavan_76)

Em tempos de comércio fechado e isolamento social, muito se fala em demissões – e nos pedidos para que os empresários evitem a dispensa de seus funcionários. Em outro caminho, no entanto, estão algumas startups e empresas tradicionais, que seguem com vagas abertas e os processos de seleção em andamento.

“Neste momento, as contratações estão bem discretas. Em geral, as startups congelaram possíveis contratações e expansão do time, e setores mais impactados até assumem algumas demissões”, afirmou ao Whow! José Muritiba, diretor executivo da Associação Brasileira de Startups (Abstartups).

“Existem modelos de negócios que estão crescendo diante a crise, e assim precisam ampliar o time. Mas em geral as contratações previstas anteriormente estão congeladas diante atual cenário”

José Muritiba, diretor executivo da Associação Brasileira de Startups (Abstartups)

Conheça algumas das empresas inovadoras e startups com vagas abertas e processos seletivos em andamento no Brasil, até a data de publicação desta matéria.

Contabilizei

A startup de contabilidade que oferece seus serviços de forma on-line tem 24 vagas para as cidades de São Paulo e Curitiba, incluindo oportunidades para pessoas com deficiência. Por oferecer todos os serviços de forma digital, mesmo em tempos como os atuais, a empresa não parou os processos seletivos, que estão ocorrendo de forma on-line. As entrevistas são feitas por vídeo e os testes, on-line.

Easynvest

A fintech está com vagas abertas e convocando, pelo LinkedIn, os profissionais a se candidatarem neste momento. As oportunidades listadas são para desenvolvedor back-end, desenvolvedor front-end, desenvolvedor mobile iOS, desenvolvedor mobile Android, quality assurance, product manager, product designer, agilista e tech lead.

Everis

A empresa espanhola de tecnologia presente em 18 países anunciou em seu perfil no LinkedIn que está contratando. Entre as vagas há oportunidade para analista de automação de testes, arquiteto de aplicação/soluções e deesenvolvedor chatbot NodeJS.

iFood

A startup unicórnio do Grupo Movile também tem 11 vagas dividas em diversos setores.  Elas vão desde prevenção e fraude e data analytics até vendas e experiência do cliente. Estas posições são para diferentes cidades no Brasil, como Osasco (SP), Macapá e Campinas (SP).

vagas Foto ilustrativa Husna Miskandar (Unsplash)

Itaú

Fora do ecossistema de startups, empresas de grande porte também continuam com seus processos de seleção. É o caso do Itaú Unibanco, que está em busca de pessoas para sua área de tecnologia.

São 65 vagas abertas, entre analistas de qualidade e testes, engenheiros de software e arquitetos de soluções, entre outros. O banco informa que, “respeitando o período de quarentena, os processos seletivos têm ocorrido por videoconferência, de forma totalmente digital e sem contato físico”.

Locaweb

Com mais de 1.500 funcionários, a empresa permanece com o processo seletivo on-line aberto para mais de 40 posições. As vagas abrangem as áreas comercial, atendimento ao cliente, CRM, marketing, engenharia de software, designer, desenvolvedores, segurança da informação, infraestrutura, programação e produtos.

As etapas das entrevistas estão sendo realizadas via Skype, Zoom e por telefone, sendo que o agendamento prévio das entrevistas se dá por telefone e convite por e-mail.

Matera

A empresa de tecnologia voltada ao mercado financeiro tem mais de 200 vagas abertas para Campinas, São Paulo, Maringá e Porto Alegre, em diversas áreas como finanças, marketing e TI, entre outras.

Magnetis

São 17 oportunidades de emprego abertas na gestora de investimentos digital. As vagas são para diversas funções, entre elas desenvolvedor mobile, desenvolvedor front-end, desenvolvedor back-end e product manager.

M4U

A empresa carioca de tecnologia para plataformas de pagamento e gestão, do Grupo Cielo, está com mais de 20 vagas abertas. Com a pandemia foi necessário digitalizar as soluções de pagamento para os clientes, o que gerou uma demanda de novos projetos.

Como a empresa adota a política de trabalho remoto, os candidatos não precisam ser necessariamente do Rio de Janeiro.

Olist

A startup de Curitiba, que ajuda pequenos e médios varejistas a venderem on-line, está com 18 vagas abertas. O foco de contratação está nas áreas de desenvolvimento, vendas, marketing, produto e dados.

Com mais de 370 colaboradores, a startup oferece modems para que seus funcionários que não têm internet em casa possam trabalhar remotamente e fornece ajuda de custo para cobrir gastos como energia elétrica, internet e estação de trabalho.

As entrevistas estão sendo feitas por videoconferência. Depois que a pessoa é contratada, a equipe de RH agenda o exame admissional na cidade em que a pessoa mora (já que existem Olisters em todo o Brasil), enviando o contrato de trabalho e equipamentos pelo correio.

vagas Foto ilustrativa (Pixabay)

Shopper

A startup que trabalha com o modelo de supermercado on-line está com mais de 17 vagas abertas, sendo todas em São Paulo. Há trabalho para analistas de compras, estoque, logística e departamento pessoal, auxiliar de facilities, desenvolvedor Android, iOS, web full-stack, front e back, growth hacker e vendas B2B, entre outros. Em março foram contratadas mais de 150 pessoas.

Stark Bank

A fintech está com 10 vagas abertas nas áreas de marketing, vendas, finanças e tecnologia. Os processos seletivos e de onboarding (integração) estão sendo feitos por telefone e WhatsApp.

Tivit

A empresa de tecnologia anunciou no LinkedIn que tem mais de 50 vagas para diversos perfis: DEVs (desenvolvimento de software), scrum master, infraestrutura, DBA e analista desuporte, entre outras oportunidades. As oportunidades são para diversas cidades brasileiras.

Zup Innovation

A empresa de tecnologia publicou no LinkedIn que continua com seus processos de seleção, agora 100% digitais. A admissão também é on-line e o trabalho, por enquanto, remoto. As vagas são para São Paulo, Campinas, Uberlândia, Belo Horizonte e Joinville.

Troca de colaboradores entre empresas

Em uma outra frente, a Meiuca.org, braço sem fins lucrativos da Meiuca Design lançou uma campanha com o intuito de manter os profissionais trabalhando. A ideia é as empresas se organizarem para que, aquelas que não estão precisando de seus colaboradores neste momento, cedam esses profissionais temporariamente para empresas que estão precisando.

“Assim cuidamos das pessoas (ao invés de demiti-las) e sua empresa pode ter seus talentos de volta (se ambas as partes desejarem) quando tudo isso passar”, escreveu no LinkedIn a head de pessoas da Meiuca, Camila Di Cezar.

“Parece uma loucura, mas se o mercado esportivo faz isso, o nosso pode encontrar um jeitinho de fazer também, certo?”

Camila Di Cezar, head de pessoas da Meiuca



+NOTÍCIAS

O Mais incrível festival de inovação para negócios do país
Coluna: A Lei do 100 –10–1 das startups
Startups oferecerem serviços para mulheres na menopausa
10 Empresas que querem transformar a comida para além do hamburguer vegetal