Tesla compra a startup de visão computacional DeepScale  - WHOW
Vendas

Tesla compra a startup de visão computacional DeepScale 

A empresa automotiva e de armazenamento de energia, Tesla, adquiriu uma startup para que no futuro os carros sejam alugados como “robotáxis”

POR Gabriely Souza | 07/10/2019 18h06 Tesla compra a startup de visão computacional DeepScale  Foto Julien Tromeur (Pixabay)

A Tesla, empresa automotiva e de armazenamento de energia, adquiriu no começo de outubro a DeepScale, startup de visão computacional, segundo a rede norte-americana CNBC. Esse promete ser o próximo passo para a produção de carros autônomos, sem a necessidade de um motorista.

O acordo pode ajudar a empresa de Elon Musk a desenvolver carros com sistemas avançados de assistência ao motorista, que são bons o suficiente para que os proprietários os aluguem como “robotáxis”, em uma plataforma semelhante à Uber sem motoristas.

A aquisição pode ajudar a preencher a lacuna de talentos no grupo de piloto automático da Tesla. Onze engenheiros teriam deixado a equipe depois que o líder do grupo Stuart Bowers saiu em maio.

A DeepScale desenvolve tecnologias de sistema perceptivos para veículos automatizados. Alguns dos produtos são processadores que trabalham com sensores, sistemas de mapeamento, planejamento e controle para permitir que os carros entendam o que está acontecendo ao seu redor. A tecnologia da empresa foi projetada para ajudar as montadoras a usar processadores de baixa potência, que são padrão na maioria dos carros, para fornecer uma visão computacional muito precisa.

Tesla Foto Bram van Oost (Unsplash)

No dia 1 de outubro o CEO da DeepScale, Forrest Iandola, tornou-se cientista sênior de machine learning da Tesla. “Entrei para a equipe Autopilot da Tesla esta semana. Estou ansioso para trabalhar com algumas das mentes mais brilhantes em deep learning e autonomous driving”, escreveu o executivo em uma postagem em sua página do LinkedIn.

Duas outras pessoas familiarizadas com o acordo confirmaram que a Tesla havia comprado a empresa completamente, mas se recusaram a divulgar os termos precisos do acordo, afirma reportagem da CNBC.

Lançamentos

No final de setembro, a Tesla lançou a versão mais recente de seu software para seus veículos, o Software Version 10.0.

O novo sistema tem recursos de entretenimento, jogos, música e conveniência. Um deles é o Smart Summon, serviço de piloto automático que permite o carro ir até o motorista em uma rota pré-determinada, desde que o veículo esteja dentro da linha de visão. Outra vantagem é um karaokê a bordo,  batizado “Car-aoke”, que vem com uma biblioteca de músicas e letras com suporte para vários idiomas.

Tesla Foto Julien Tromeur (Pixabay)

Outras aquisições

A empresa automotiva adquiriu pelo menos cinco outras empresas além da DeepScale, incluindo SolarCity em 2016, e uma empresa de tecnologia de baterias, Maxwell Technologies, no início deste ano.


+ NEGÓCIOS

Gestão da inovação: como manter um ambiente favorável às novas ideias
A transparência é a principal ferramenta para gestão de crises na Neon
Startup de BH torna mais fácil a gestão da remuneração
Marketing digital e automação: como melhorar a gestão do lead?