Conheça as tecnologias que estão impulsionando a indústria 4.0 - WHOW
Tecnologia

Conheça as tecnologias que estão impulsionando a indústria 4.0

A indústria 4.0 é capaz de produzir casas que duram 60 anos em uma impressora. Conheça as novas tecnologias para o setor nesta nova revolução

POR Raphael Coraccini | 18/03/2020 14h16 Conheça as tecnologias que estão impulsionando a indústria 4.0 Foto ilustrativa Gerd Altmann (Pixabay)

As tecnologias empregadas em cada uma das revoluções industriais foram responsáveis por modelar a forma das pessoas de viver e interagir com o ambiente. No século 21, a indústria 4.0 é uma evolução que junta todos os processos da sua versão, mas acrescentando a eles a interconectividade de máquinas, processos e produtos. Conheça as novas tecnologias que estão impulsionando essa nova etapa do setor.

Indústria e impressoras 3D

A impressão 3D ou a fabricação aditiva é a tecnologia que tem maior potencial para revolucionar a indústria devido à maneira como pode influenciar os processos de fabricação. As impressoras são capazes de produzir praticamente qualquer tipo de objeto em processos cada vez mais ágeis e com menos etapas de produção.

Uma impressora 3D já permite até mesmo construir uma casa completa em apenas 24 horas. E não são casebres que se despedaçam ao primeiro vento, a maioria dessas casas é de alvenaria e duram entre 50 e 60 anos. Hoje, a Haus.me é uma das referências no setor.

Confira a construção de uma casa em tecnologia 3D.

Robôs autônomos

Ao conectar-se a um servidor central, banco de dados ou controlador lógico programável, as ações dos robôs podem ser coordenadas e automatizadas em maior extensão do que nunca. Eles podem concluir tarefas de forma inteligente, de maneira orquestrada, com o mínimo de contribuição humana.

A Toyota, por exemplo, tem desenvolvido desde 2004, por meio de seu Instituto de Pesquisa, o desenvolvimento de robôs autônomos.

Internet das coisas

Os robôs de produção autônomos, alimentados por um conceito conhecido como “Internet das Coisas” (IoT) – a ideia de que, ao aproveitar uma malha conectada de objetos, dispositivos e computadores, as máquinas podem se comunicar.

Nos Estados Unidos, a Byond Healthcare desenvolveu robôs munidos de internet das coisas voltados para a manipulação de medicamentos na indústria farmacêutica.

Machine learning

O aprendizado de máquina, como um subcampo da inteligência artificial, tornou-se o principal impulsionador dessas inovações nos setores industriais, o que oferece a oportunidade de acelerar ainda mais os processos de descoberta, além de aprimorar a tomada de decisão.

No entanto, os algoritmos de machine learning aprendem diretamente dos exemplos, dados e experiências, e são capazes de descobrir como executar tarefas importantes, generalizando a partir deles.

A empresa brasileira Orbita substitui a subjetividade humana pela inteligência artificial munida de machine learning para eliminar perdas em processos produtivos, aumentar produtividade e reduzir acidentes operacionais.

Realidade aumentada

Esta tecnologia está possibilitando uma montagem quase perfeita. Usando óculos de proteção que empregam câmeras, sensores de profundidade e de movimento, para colocar imagens no ambiente de trabalho real, trabalhadores e engenheiros podem “ver” as peças e instruções adequadas sobre como montar um componente específico da maneira certa.

A Airbus usa a realidade aumentada na fabricação de várias peças de suas aeronaves desde 2011. A empresa se tornou referência na tecnologia e hoje vende serviços com esta nova tecnologia para outras empresa do setor aeroespacial.

plusoft almaviva


+INDÚSTRIA

Automni, vencedora da etapa brasileira da Copa do Mundo de startups
Brasil e Israel firmam parcerias em inovação na indústria e agronegócio
Startup foca em nova tecnologia para ganho de produtividade na indústria
Conheça as novas tecnologias na indústria e a posição do Brasil