Startups brasileiras apostam no futuro das tags automáticas - WHOW
Eficiência

Startups brasileiras apostam no futuro das tags automáticas

Através de parcerias com grandes montadoras, a empresa ConectCar investe na automação de pagamentos integrada em sistemas nativos

POR Carolina Cozer | 08/03/2021 12h14 Startups brasileiras apostam no futuro das tags automáticas Imagem: Tom Wieden (Pixabay)

O sistema de tags veiculares não é novo no Brasil. A empresa de pagamentos automáticos para pedágios Sem Parar foi a primeira a inaugurar o modelo no país, já tendo impactado mais de cinco milhões de usuários em 20 anos de operação.

Este mercado também acompanha as mudanças de comportamento da população iniciadas após o início da pandemia, com especial atenção voltada ao mercado contactless.

Segundo com uma pesquisa da startup de mobilidade Moovit, quase metade das pessoas na cidade de São Paulo preferem utilizar veículos próprios em vez de transporte público ou caronas compartilhadas, para seguir os protocolos de isolamento social, com preferência para manterem a utilização de carros próprios mesmo após o fim da pandemia.

De modo semelhante, uma pesquisa conduzida pela consultoria de comportamento Kantar, em parceria com a empresa de tags veiculares ConectCar, mostrou que 90% dos usuários de veículos no Brasil preferem os sistemas automáticos de pagamento de pedágios e estacionamentos, mesmo existindo um investimento mensal por trás do serviço.

“Uma vez que muitas rodovias estão, inclusive, incluindo descontos para quem utilizar soluções de pagamentos automáticos nas praças de pedágios, a procura pelo serviço tende a aumentar bastante: com relação ao volume de passagens nos pedágios, dados apontam que, hoje, 53% delas representam passagem automática. Desta forma, temos o potencial de crescer em 47% no setor”, afirma Felix Cardamone, CEO da ConectCar.

Tags automáticas e integradas

Pensando na evolução da experiência do consumidor, Felix revela que a ConectCar já firmou parcerias com grandes empresas, como a Volkswagen, que passou a incluir as tags em todas as frotas de caminhões da linha de extrapesados Meteor.

O  grupo Fiat-Chrysler (FCA) também está trabalhando em conjunto com a companhia para o desenvolvimento de uma plataforma de mobilidade conectada, que irá conectar os carros da montadora diretamente com toda a rede de benefícios da empresa.

“Com a nossa tecnologia de vanguarda, constituímos uma equipe totalmente baseada em método ágil e OKRs. A modernização da plataforma tecnológica permitiu integração de modais, o que, além de gerar competitividade e disrupção no setor, agrega funcionalidades nunca antes exploradas naquele segmento”, explica o CEO.

A nova plataforma integrada da FCA está em fase de testes, e tem previsão para ser incluída nos veículos da marca ainda no primeiro semestre de 2021.


+FUTURO

Profissões do futuro: veja o perfil dos profissionais de product management
Surge um novo cargo nas empresas: o líder de diversidade
Você sabe o que faz um CHO – Chief Happiness Officer?
Novos modelos de liderança: como eles ajudam na inovação e os seus efeitos nos negócios