Saúde Mental: inteligência artificial auxilia na busca pelo psicólogo ideal - WHOW

Pessoas

Saúde Mental: inteligência artificial auxilia na busca pelo psicólogo ideal

Por Tatiana Pimenta, CEO da Vittude   Em 2004 o Psicólogo americano Barry Schwartz publicou o livro ‘The Paradox of Choice – Why More Is Less’ traduzido para o português para ‘O paradoxo da escolha: Por que mais é menos’. Nesse livro, também explanado em uma apresentação de Barry em um TED de 2005, o […]

POR Redação Whow! | 26/04/2021 08h06

Por Tatiana Pimenta, CEO da Vittude

Em 2004 o Psicólogo americano Barry Schwartz publicou o livro ‘The Paradox of Choice – Why More Is Less’ traduzido para o português para ‘O paradoxo da escolha: Por que mais é menos’. Nesse livro, também explanado em uma apresentação de Barry em um TED de 2005, o autor defende que no mundo atual o número elevado de opções que temos propicia uma chance maior de encontrar o produto ou serviço mais adequado às nossas necessidades. No entanto, o número elevado de possibilidades faz com que também seja mais difícil encontrar exatamente o que precisamos. Isso traz uma complexidade que talvez seja maior do que o ser humano possa lidar.

No universo da psicologia, a relação entre o psicólogo e seu paciente é de longo prazo, portanto fatores humanos e comportamentais inerentes a qualquer tipo de relacionamento são percebidos e necessários. É preciso que haja conexão entre as partes para que o processo psicoterapêutico seja mais efetivo. Porém, da mesma maneira que no dia a dia essa conexão ocorre de maneira intangível, o mesmo ocorre no processo de terapia. Neste sentido, é necessário que seja estabelecido um vínculo, por meio da aliança terapêutica entre paciente e psicólogo, que é essencial especialmente para aqueles que nunca fizeram terapia antes.

Nos métodos tradicionais de busca por um psicólogo, frequentemente o usuário se vê inserido em um processo de “tentativa e erro” que é desgastante e invasivo, culminando na maioria das vezes em frustração.

Pensando nisso, a Vittude, startup de Psicologia Online, fundada em 2016, disponibilizou uma ferramenta chamada Vittude Match, que pode ser acessada pela página da VittudeO objetivo é promover o melhor “match” entre psicólogos e os usuários da plataforma. Essa ferramenta é baseada em IA (inteligência artificial) e atua no melhor entendimento das demandas do usuário, cruzando-as com as características dos psicólogos cadastrados. O objetivo é combinar fatores que podem levar a maior probabilidade de criação da aliança terapêutica entre as partes. Assim, é possível reduzir as chances de insucesso nessa parceria entre psicólogo e usuário.

O mecanismo está em constante evolução

Atualmente há um algoritmo de processamento de linguagem natural, em Inglês NLP (Natural Language Processing), que é capaz de determinar a similaridade entre uma frase escrita livremente e diversos situações, adversidades ou transtornos emocionais que possam causar algum tipo de incômodo e que motivaram a busca de um psicólogo na Vittude. O objetivo do algoritmo é medir quais psicólogos da base, segundo suas características e especialidades, seriam capazes de atender o usuário de maneira mais efetiva possível. 

Os próximos passos em NLP consistem em aperfeiçoar o match por meio de uma expansão e organização dos dados da base. Com isso, espera-se redução do número de falsos positivos, em outras palavras, dos casos que o algoritmo infere que a similaridade é alta, quando na realidade não é – aumentando ainda mais a efetividade da tecnologia. Estes ajustes são periódicos, mantendo o algoritmo atualizado no entendimento das expressões e sentimentos do usuário mesmo que este não saiba exatamente o que está sentindo.

Os efeitos e impactos na sociedade

A Vittude visa democratizar o acesso à saúde mental no Brasil, país mais ansioso do mundo segundo a OMS. Hoje, estima-se que menos de 3% da população já tenha passado por um psicólogo, seja por motivo de transtorno emocional, para fins de autoconhecimento, ou para lidar com algum evento ou situação de vida.

Com o cenário pandêmico, a incidência de alguns transtornos têm crescido substancialmente. Além de outras tantas situações de cunho psicológico que foram expostas em função do isolamento e mortes no país.

A percepção de satisfação do usuário que passa pelo Vittude Match é substancialmente superior ao processo de escolha tradicional. Durante o período de testes da ferramenta que se deu no segundo semestre de 2020 as taxas de retenção (métrica utilizada para aferir o sucesso do vínculo terapêutico) aumentaram consideravelmente, provando a efetividade da ferramenta.

As novas tecnologias utilizadas pela Vittude estabelecem uma experiência prática e inovadora, fomentando a ideia de que a terapia não é tão complexa e inacessível como está no imaginário da população. A Vittude, assim, ajuda na redução do estigma e do preconceito relacionado ao tema, um trabalho de educação muito robusto e necessário em especial em momentos delicados como passamos.

Sobre Tatiana Pimenta

CEO e fundadora da Vittude, startup referência em psicologia online e saúde emocional corporativa. Atua também como Business & Executive Coach, ajudando empresas e líderes a atingirem resultados extraordinários. Desenvolve trabalhos de consultoria empresarial nas áreas de gestão de vendas e cultura organizacional. Graduada em Engenharia Civil pela Universidade Estadual de Londrina; MBA em Gestão Empresarial pela UFMS, MBA em Finanças pelo IBMEC e MBA Executivo pelo Insper. É Business and Executive Coach formada pelo Instituto Brasileiro de Coaching (IBC).