Os primeiros passos para criar a sua própria loja virtual - WHOW

Vendas

Os primeiros passos para criar a sua própria loja virtual

Entenda aqui os principais motivos para ter uma loja virtual e o passo a passo completo para montar o seu negócio na internet

POR Redação Whow! | 25/06/2021 14h35

Neste conteúdo, falaremos dos principais motivos de se ter uma loja virtual e o passo a passo completo para montar a sua. 

Continue a leitura e descubra como levar o seu negócio para a internet!

O que é uma loja virtual?

As primeiras lojas virtuais surgiram ainda em 1995. Entretanto, apenas por volta dos anos 2000, que apareceram as primeiras grandes empresas a comercializarem nessa modalidade. 

Para começar, é preciso que você compreenda o que significa ter uma loja virtual. Em resumo, trata-se de um ambiente de compras na internet, ou on-line, na qual é possível realizar desde a escolha do produto até o pagamento.

Em suma, uma loja virtual tem o objetivo de otimizar o processo de compra e venda de produtos, uma vez que deve oferecer todas as informações necessárias para que os usuários realizem as transações neste ambiente

Nesse sentido, são apresentados como diferenciais de uma loja virtual a segurança na hora compra, o conforto de escolher e receber o produto em casa ou de onde estiver.

Vale ressaltar também que, toda a experiência que o cliente terá na loja virtual, até a entrega do produto, será responsável tanto pela efetivação da venda quanto pelo retorno desse consumidor. 

Assim, uma dúvida que não foi sanada de maneira eficaz poderá fazer com que o cliente abandone o carrinho ainda na loja virtual; ou então, mesmo que experiência de compra tenha sido positiva, mas ele tenha tido problemas com a entrega, pode ser um motivo para que ele não volte a comprar.

Motivos ter sua própria loja virtual

São muitos os motivos para você colocar o seu negócio hoje na internet. A começar pelos números de acesso à rede mundial de computadores- a internet. Hoje, conforme dados da pesquisa We Are Social e Hootsuite, de janeiro de 2021, existem hoje 4,66 bilhões de usuários da rede, o que corresponde a mais da metade da população mundial conectada. 

Além disso, podemos apontar como principais motivos:

  • menor custo fixo, afinal, uma loja virtual, dispensa contas de água, luz, IPTU, aluguel, dentre outras despesas de uma loja presencial;
  • funcionar, sem precisar de colaboradores, o tempo todo à sua disposição: a qualquer momento, qualquer pessoa, onde estiver, pode consumir os seus produtos;
  • maior comodidade e praticidade para os clientes. Ou seja, consumidores podem comprar e receber os seus produtos sem sair de casa;
  • ser encontrado com facilidade.

Lembre-se sempre de que, na internet, não existem barreiras. Assim, com um bom trabalho de produção de conteúdo e uma eficiente estratégia de comercial e de logística de entrega, é possível alavancar as vendas, conquistando novos clientes e, até mesmo, novos mercados.

Passo a passo: saiba como criar uma loja virtual 

Agora que você já conhece os principais motivos para investir em uma loja virtual, conheça o passo a passo para montar a sua. 

Entenda exatamente quem é seu cliente, o que ele quer e como encantá-lo

Antes de mais nada precisamos saber um pouco mais sobre quem é o nosso público, quais as plataformas que ele utiliza e como chegar até ele. Isso é possível através de um mapeamento de como é a jornada de consumo desse cliente. 

Determine o seu mix de produtos

O que você irá vender para seu público na web?

O primeiro passo para desenvolver uma loja virtual é definir qual será o seu mix de produtos. Para isso, é preciso considerar as necessidades do seu público, os recursos que você tem disponível e se esses dois pontos são compatíveis com a sua logística de entrega.

Escolha uma plataforma de e-commerce

Aqui, você pode tanto desenvolver a sua ou contratar uma plataforma de terceiros. O primeiro caso acaba sendo bem mais caro em relação a tempo e dinheiro.

Contudo, no mercado, existem várias plataformas de e-commerces disponíveis. O mais indicado, na hora de escolher a melhor para seu negócio, é buscar referências. Além disso, buscar qual melhor modelo atende o seu processo de vendas.

Tenha atenção também quanto ao suporte oferecido pela plataforma e o que ela possui de diferencial que poderá agregar em sua marca. 

Customize sua loja virtual 

Hoje, várias plataformas já permitem a customização. Aproveite este recurso e deixe a loja virtual refletindo a sua marca. Da linguagem usada até as imagens, tudo deve conversar entre si e refletir o propósito e os valores da sua empresa.

Inclua de imagens e descrição de produtos

Dê ao cliente o máximo de informações possíveis sobre o que você vende. Dessa forma, descreva os produtos, informe detalhes, dê dicas, tenha boas fotos e vídeos dos produtos, enfim, não economize nas informações.

Não esqueça também de reforçar a comunicação quanto ao seu processo de venda da sua loja. 

Coloque no ar e comece a divulgação

Somente montar a loja virtual e colocá-la no ar não garante boas vendas. Por isso, também desenvolva um bom plano de marketing digital, englobando redes sociais e os demais pontos de contato virtual que o cliente terá com sua empresa. 

A venda não acaba após a venda: cuide do seu cliente!

O processo de venda pela internet costuma ser mais objetivo e mais prático do que presencialmente. Entretanto, os clientes, independente de qual meio chegaram até você,  precisam de atenção. Dessa maneira, desenvolva também um processo personalizado e efetivo no pós-venda e sempre esteja avaliando o seu processo de vendas, a cada transação realizada.

Assim, você pode garantir não somente o retorno daquele cliente, como também extrair insights de como melhorar o seu próprio atendimento.

Gostou de entender como abrir a sua própria loja virtual? Se sim, saiba que o Whow, diariamente, produz conteúdos interessantes sobre mercado, gestão e empreendedorismo. E, para recebê-los em primeira mão, assine agora mesmo a nossa newsletter gratuitamente!