Oportunidade de internacionalização para startups brasileiras na Suíça - WHOW

Vendas

Oportunidade de internacionalização para startups brasileiras na Suíça

As empresas têm até o final de abril para enviarem propostas com soluções econômicas, sociais ou ambientais para o Brasil e o país europeu

POR Carolina Cozer | 15/02/2021 12h00 Imagem: Bruno Wolff (Unsplash) Imagem: Bruno Wolff (Unsplash)

Startups brasileiras têm até o dia 30 de abril para se inscreverem em um projeto de inovação colaborativa entre o Brasil e a Suíça. A chamada foi aberta pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (EMBRAPII) e a Agência de Inovação da Suíça (Innosuisse), para unir forças inovadoras entre os dois países para o desenvolvimento de soluções e novas tecnologias com potencial de mercado.

“O objetivo central da parceria é fortalecer a competitividade das empresas por meio da cooperação internacional. Esse intercâmbio permite a integração do conhecimento técnico-científico e a entrada em novos mercados. A parceria pode ser o primeiro passo para internacionalizar uma startup ou para o desenvolvimento cooperativo de novas tecnologias de alto valor agregado”, comenta Carlos Eduardo Pereira, diretor de operações da EMBRAPII à imprensa.

Possibilidade de feedback pré-projeto

Para participar, as startups devem encaminhar uma pré-proposta via site oficial da EMBRAPII com soluções econômicas, sociais ou ambientais anexas para avaliação. São válidas startups brasileiras que estejam associadas à rede credenciada de 61 unidades EMBRAPII. Cada país irá financiar suas respectivas startups.

Não há limites de áreas de conhecimento e atuação para as startups que queiram submeter ideias ao projeto. Contudo, a EMBRAPII cita as seguintes áreas como “incentivadas”: biotech e medtech, agricultura e produção de alimentos, indústria 4.0, materiais avançados, tecnologias de informação e comunicação, energia limpa e água, cidades e comunidades sustentáveis, digitalização e mobilidade.

A data final para envio dos projetos é 2 de agosto de 2021, mas as instituições recomendam a entrega até 30 de abril para que possam fornecer um feedback pré-projeto.

Acordo prevê internacionalização da indústria nacional

Segundo a EMBRAPII, a Suíça é um dos principais polos de inovação do mundo, com cerca de 3% do PIB voltado para pesquisas e desenvolvimento (P&D), sendo dois terços financiados pelo setor privado.

O acordo entre Brasil e Suiça permitirá a integração de conhecimento e a cooperação técnica entre as nações, segundo a EMBRAPII, além de promover a internacionalização da indústria nacional.

“A EMBRAPII e a Innosuisse tem objetivos comuns. Ambas têm foco na demanda industrial incentivando a inovação para o mercado global. O acordo permitirá o compartilhamento de conhecimento e tecnologias entre os dois países”, diz Pereira.


+STARTUPS BRASILEIRAS

Startup brasileira focada no meio ambiente começa a sua internacionalização
Conheça a prática de delivery das cozinhas fantasmas

O cliente não está mais no centro de tudo. E quem está no lugar dele?
Bactéria com DNA 100% sintético pode impulsionar novos tratamentos médicos