Negócio rentável: como montar seu brechó online - WHOW

Eficiência

Negócio rentável: como montar seu brechó online

Entenda como os brechós online se tornaram negócios rentáveis. Veja também as razões e dicas para montar o seu

POR Redação Whow! | 09/07/2021 11h40

Antigamente, as roupas dos brechós poderiam ser vistas como velhas, fora de moda e sujas. Hoje, a realidade é completamente diferente e os brechós online viraram tendência de negócio rentável no Brasil. Por isso, se você tem algumas peças de roupas que não usa mais e está pensando em montar um negócio, leia este conteúdo e veja um guia completo para montar um seu brechó online.

Brechós se tornam rentáveis e mudam o cenário de vestuário

Esqueça a ideia de roupas velhas e cheias de pulgas: os brechós ganharam uma nova roupagem e viraram modelos de negócio bastante rentáveis no Brasil e também lá fora.

Segundo o relatório Resale Report 2019, da ThredUP em parceria com a GlobalData, somente em 2018, 56 milhões de mulheres compraram roupas e outros itens de segunda mão nos Estados Unidos. Isso representou um aumento de 49% em relação ao ano anterior à pesquisa.  Em resumo, o baixo investimento e uma alta procura são os principais fatores que  têm incentivado o aumento desse modelo de negócio. 

Mas, quando surgiram os brechós?

Os primeiros brechós surgiram ainda no século XIX, em Paris, na Europa. Um dos exemplos era a “Marché aux puces”, ou ” Feira/Mercado das Pulgas”. Nelas, as roupas e outros produtos de antiguidades eram vendidos ao ar livre, sem qualquer preocupação com a higiene, o que favorecia a infestação pelas pulgas – daí a origem do nome.

A tendência de vender roupas e demais produtos já utilizados também chegou no Brasil, na mesma época. Acredita-se que a Casa do Belchior foi uma das primeiras do país a aplicar este modelo de negócio, dando origem ao nome “brechó”. 

Negócio rentável: Razões para ter um Brechó online 

Os brechós online podem ser montados em um marketplace e, de uma maneira mais simples, nos perfis de redes sociais, como o Instagram. Mas não é apenas a facilidade de montagem do negócio e o baixo investimento que tornam o brechó um negócio rentável.  Veja agora mais razões para ter seu próprio brechó online.

 1. Facilidade para iniciar o negócio

O custo para ter um brechó online é baixo. Afinal, a montagem deste tipo de negócio não requer muitos recursos. Você pode optar por vender as suas próprias peças ou revender as de amigos e familiares, desde que combinado o preço de revenda o seu percentual de repasse.

2. Possibilidade de utilizar canais de venda gratuitos

Para divulgar o seu brechó online, você pode utilizar o seu próprio perfil nas redes sociais. Lembre-se de que o mais importante não é a quantidade de seguidores que você tem e sim o quanto eles são engajados na sua rede. Além disso, você pode colocar as suas peças para venda na própria loja do Instagram.

3. Foco em um público específico

Roupas para grávidas, plus size, moda infantil, etc: no seu brechó online, você pode optar por focar em apenas um público específico, considerando seu ciclo de amizades e as peças que você já tem.

Digamos que você tem um filho pequeno e as roupas deles já não servem mais. Porém, você também percebe que outros pais de crianças pequenas ou bebês constantemente estão comprando novas roupas, tendo em vista o crescimento acelerado da faixa etária.

Logo, no seu brechó online, você pode comercializar tanto as peças do seu filho quanto oferecer a mesma possibilidade aos outros pais, mediante um percentual de repasse. 

Dicas importantes para montar o seu Brechó online

Montar um brechó online é fácil, porém, algumas dicas podem ajudar você no desenvolvimento desse tipo de empresa.  Veja as principais. 

Brechó online: Estrutura e modelo de negócio

Como seu brechó online irá funcionar? Serão somente as suas peças ou você vai também revender a de outras pessoas? Como irá funcionar essa relação? Antes de criar a sua loja de roupas e peças usadas, estruture como vai funcionar o seu negócio. Defina as regras, como prazos de entrega, estados das roupas, valores e como vai funcionar a relação com seus clientes e também fornecedores das peças.

Vale ressaltar que, mesmo que você esteja tratando com amigos e familiares, não abra mão das regras do seu modelo de negócio. Isso ajuda a manter a boa relação com eles, evitando possíveis desgastes e desentendimentos. 

Brechó online: Marketplaces e redes sociais

Suas vendas são via redes sociais? Blogs? Plataformas de marketplaces?

Este é um dos itens fundamentais a serem definidos antes da abertura do seu brechó online. Afinal, cada uma das alternativas tem um custo, seja financeiro ou da sua disponibilidade de tempo.

Optando pelas redes sociais, você precisará de constância na produção de conteúdo, como fotos e vídeos sempre, por exemplo. Já um blog requer conteúdos bem escritos, em forma de artigos, a fim da sua empresa ser encontrada mais facilmente na internet. 

Por último, os marketplaces e plataformas de e-commerce têm um custo financeiro um pouco maior, além da demanda de uma boa produção de conteúdo. 

Brechó online: Boas fotos

A vitrine do seu brechó online são as fotos e vídeos de todas as suas peças.

A dica na hora de realizar o material é sempre focar no contexto de que tal peça poderá ser utilizada. Por exemplo, uma foto de um sapato pode aparecer também outras peças de roupa e acessórios, do seu próprio brechó, que combinem com ele.

Busque também locais que fazem sentido com determinada peça, de modo que o seu público consiga visualizar as diversas possibilidades de uso. 

Brechó online: Gestão de Estoque

Como será feita a gestão do estoque das suas peças? Busque ter uma boa carteira de fornecedores de peças, conforme o nicho que atenderá o seu brechó online. Por isso, esteja sempre “garimpando”, ou seja, escolhendo novos fornecedores que poderão ser interessantes para o seu negócio.  

Brechó online: Divulgação

As pessoas só saberão do seu brechó online se você divulgar a loja.  Aposte nas redes sociais, em grupos do WhatsApp de amigos e familiares e esteja sempre fazendo propaganda do seu negócio para quem você já conhece. Fazer parcerias com outros perfis pode ser uma ótima opção para se tornar o brechó mais conhecido no mercado. 

Gostou da ideia? Mãos à obra!

A ideia de ter um brechó online é interessante para você? Se sim, comece fazendo o seu plano de negócio e desde já separando as suas próprias peças de roupas para iniciar as vendas, mesmo que sejam poucas.  Afinal, com uma pequena estrutura é mais fácil para testar o seu próprio modelo de negócios e, assim, poder ajustar os pontos que talvez precisarão de atenção. 

Que tal receber diariamente conteúdos interessantes sobre mercado, tecnologia, gestão e empreendedorismo? Para isso, assine a nossa newsletter gratuitamente agora mesmo!