Mulheres empreendedoras: Colorama cria curso profissionalizante para manicures - WHOW

Tecnologia

Mulheres empreendedoras: Colorama cria curso profissionalizante para manicures

Conheça aqui a iniciativa da marca que visa estimular o empreendedorismo feminino, através de um curso rápido de manicure para mulheres

POR Redação Whow! | 24/06/2021 14h53

Conheça a iniciativa da marca Colorama, que está oferecendo um curso profissionalizante de manicure a um valor bem abaixo do mercado. Além disso, para as mulheres em situação vulnerável, o acesso é gratuito. O objetivo é estimular o empreendedorismo feminino

Dados do empreendedorismo feminino

Não é de hoje que elas lutam por mais espaço no mercado de trabalho. E, mesmo com tantos avanços, muitos desafios ainda precisam ser superados. Nesse contexto, o empreendedorismo acaba sendo uma das melhores alternativas.

A última edição de uma pesquisa realizada pelo GEM – Global Entrepreneurship Monitor, sobre empreendedorismo feminino, apontou dados interessantes sobre o tema. O levantamento foi realizado com 49 países em 2018 e, o Brasil, ocupou o sétimo lugar no ranking de proporção de mulheres à frente de empreendimentos iniciais, que são aqueles com 42 anos de vida. 

Ainda na mesma pesquisa, foi verificado que a proporção de mulheres que empreendem por necessidade é maior que a dos homens. 

Já em outro estudo, agora realizado pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em sua última pesquisa PNADC- Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua, registrou que 9,3 milhões de mulheres estão à frente de negócios no Brasil.

E, a fim de aumentar esses números, algumas empresas privadas desenvolveram algumas iniciativas. Uma delas foi a L’Óreal, através da marca de esmaltes Colorama.  

Vamos Juntas com Colorama: Um Guia para a Manicure de Sucesso

Todas agora podem ir juntas aprender uma nova profissão, para assim empreender e ter independência financeira: o grupo L’Óreal Paris, que comanda toda a produção da Colorama, lançou um curso de manicure por apenas R$77,00. 

O valor, inclusive, pode ser parcelado em até sete vezes sem juros e, além disso, para as mulheres em situação de vulnerabilidade social, o acesso é totalmente gratuito. 

A iniciativa partiu, principalmente, dos números do desemprego feminino durante a pandemia. Dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA, mostraram que a proporção de mulheres no mercado de trabalho, no primeiro trimestre de 2020 caiu para 45,8%. Este valor foi considerado o mais baixo desde 1990. 

Em suma, elas ainda ficaram mais desempregadas que eles. Conforme a pesquisa PNAD – Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, a taxa de desocupação entre as mulheres foi de 16,4% no quarto trimestre do ano passado, sendo mais alta que entre os homens, em torno de 11,9%. As mães solos, segundo o levantamento, foram as mais afetadas.

Colorama Estimulando o empreendedorismo feminino

O tema do curso oferecido pela Colorama foi pensando estrategicamente para essas mulheres: para atuar como manicure,  os materiais necessários são de baixo custo, além do fato do serviço ser prestado tanto em suas próprias residências quanto a domicílio.

O valor de um atendimento de manicure pode variar, mas, em média, costuma-se cobrar em torno de R$30,00. Geralmente, o tempo do serviço é em torno de uma hora. Além de trabalhar por conta própria, também pode-se optar por buscar oportunidades em salões de beleza e também centros de estética. 

O que o curso oferece e como se inscrever

O curso é na modalidade EAD- Ensino À Distância e é composto por três horas de duração, sendo ministrado pela especialista em unhas Gi Camargo. Vale ressaltar que não é necessário possuir qualquer tipo de experiência, uma vez que todo conteúdo começa do básico. 

Em resumo, o curso Um Guia Para A Manicure de Sucesso possui 3 módulos, contendo 3 vídeo aulas em cada um:

  • 1° módulo: Atendimento ao cliente, materiais e equipamentos de segurança 
  • 2° módulo: Pré-preparo das unhas 
  • 3° módulo: Esmaltação e finalização 
  • 4° módulo: Free Free 

O último módulo foi produzido pelo Instituto Free Free e trata-se de um bônus. Nele, a aluna encontrará conteúdos sobre empoderamento feminino, capacitação financeira e digitalização.  Além das videoaulas, o curso traz um material complementar, a fim de reforçar  o que foi aprendido com cada disciplina.

Para se inscrever, basta acessar a plataforma da Eduk, preencher os dados do endereço de e-mail e efetuar o pagamento, que pode ser realizado em boleto bancário ou cartão de crédito. 

O conteúdo não precisa ser acessado necessariamente de imediato, tendo em vista que fica disponível na Eduk por tempo ilimitado. E, ao atingir 80% de participação, o profissional poderá emitir o seu certificado. Se desejar, pode realizar a impressão do mesmo. 

Acesso gratuito para mulheres e situação de vulnerabilidade

E como fará quem não pode pagar pelo curso?, você deve ter se perguntado. Mas, a Colorama também pensou nisso. Logo, para 2.000 mulheres em situação de vulnerabilidade social, será oferecido o acesso gratuito, no ano de 2021. 

A marca, a longo prazo, pretende se posicionar como uma empresa de impacto. Assim, além deste curso, a empresa também mantém um outro projeto, chamado Casa da Manicure. Ele é desenvolvido através da ONG Casa do Menor, em suas unidades que ficam no Rio de Janeiro, Alagoas e Paraíba.

A longo prazo, o intuito da Colorama é se posicionar ainda mais como uma empresa de impacto social. Além do curso online, a empresa também mantém um projeto de capacitação profissional de jovens e adultos chamado Casa da Manicure, na ONG Casa do Menor, em unidades no Rio de Janeiro, Alagoas e Paraíba.

Empreendedoras: fiquem atentas às oportunidades 

A iniciativa da Colorama oferece oportunidade para várias mulheres de mudarem suas realidades. Afinal, não são poucas as que vivem em zonas vulneráveis ou então que não possuem apoio financeiro para criar os seus filhos. 

Com o curso desenvolvido pela empresa, podem atender até mesmo na própria casa e, assim, além de obterem uma renda, também terão a possibilidade de acompanhar, de perto, o crescimento deles.

Assim como a Colorama, existem no mercado outras iniciativas que oferecem cursos gratuitos de empreendedorismo, como o Projeto RS TER – Mulheres Empreendedoras, a plataforma Educa Mais Brasil, o Sebrae e até mesmo o Google. 

As oportunidades são diversas e  o importante é sempre buscar capacitações que tenham relação com  suas habilidades e negócios.   

Gostou do conteúdo? Se sim, não deixe de assinar a nossa newsletter e receber, diariamente, artigos interessantes como este sobre o mercado, gestão, tecnologia e empreendedorismo!