Especial investimentos em startups: 24 aportes e 12 aquisições em agosto - WHOW
Tecnologia

Especial investimentos em startups: 24 aportes e 12 aquisições em agosto

Fique por dentro das movimentações financeiras no ecossistema brasileiro, neste levantamento mensal do Whow!

POR Adriana Fonseca | 02/09/2020 19h17 Especial investimentos em startups: 24 aportes e 12 aquisições em agosto Arte Grupo Padrão (@flaviopavan_76)

Em agosto, com a colaboração da 100 Open Startups, o Whow! identificou 24 aportes e 12 aquisições, acima de R$ 1 milhão, no ecossistema de startups e grandes empresas no Brasil. Todos os meses, desde agosto do ano passado, o portal faz um levantamento sobre as principais compras e os investimentos realizados.

Agosto representou o recorde histórico neste levantamento de investimentos em startups e um empate em fusões, com o mês de julho de 2020. Dados do Sling Hub apontam que neste mês, as startups brasileiras receberam quase R$ 11 bilhões. Em comparação com o ano anterior, a plataforma mostra que foram R$ 12,8 bilhões em aportes somados.

No panorama dos oito primeiros meses de 2020, foram registraram 78 fusões de startups. Em 2019 a quantidade foi de 61 aquisições, de acordo com dados do hub de inovação Distrito, divulgados no site Valor Investe.

Ao final da matéria estão os links para os levantamentos do Whow! nos últimos meses. 

Investimentos em startups brasileiras

100 Open Startups

A principal plataforma de open innovation do país concluiu a captação de R$ 10 milhões em uma rodada que combinou investimento-anjo, crowdfunding e venture capital. Do valor total, R$ 5 milhões serão destinados para investimento em startups selecionadas e o restante para a própria plataforma. A DOMO Invest participou da rodada. Confira mais detalhes nesta matéria.

Allya

A startup de benefícios corporativos fechou uma rodada de investimento no valor de R$ 7,5 milhões liderada pela DOMO Invest. Os recursos serão utilizados para o aprimoramento de tecnologia e produto, além do lançamento de novas ferramentas, como um assistente financeiro baseado em inteligência artificial.

Amparo Saúde

A healthtech especializada em atenção primária e medicina da família anunciou nova rodada de investimento, no valor de R$ 25 milhões. O aporte foi liderado por um grande family office brasileiro, acompanhado pelos atuais investidores e nomes renomados no mercado de saúde como José Luiz Setúbal e Grupo Sabin. A startup iniciou suas operações em julho de 2018 com três unidades presenciais. Em 2019, alcançou um faturamento de R$ 10 milhões de reais. Atualmente com 11 unidades e capacidade para 28 mil teleatendimentos por mês, a empresa saltou de 45 mil para 1 milhão de vidas nos últimos meses.

Asksuite

A plataforma de vendas diretas e atendimento para hotéis desenvolvida em Florianópolis recebeu um aporte de R$ 4 milhões do fundo de venture capital Abseed.

Birdie

A Astella Investimentou liderou a rodada de US$ 1,6 milhão feita na plataforma de pesquisa de mercado e data analytics para bens de consumo embalados. A startup vai usar o recurso para apoiar sua expansão nos Estados Unidos, onde a empresa planeja aumentar suas equipes de vendas e marketing e acelerar o desenvolvimento de novos recursos relacionados à integração com outras fontes de dados.

Caju

A Caju Benefícios, plataforma que permite concentrar todos os benefícios corporativos como Ticket-Alimentação, Ticket-Refeição e outros em um único cartão Visa crédito, fechou uma rodada de capital semente no valor de R$ 13 milhões. O aporte foi coliderado pelos fundos de investimento Valor Capital Group e Canary. Também participaram da rodada investidores pessoa física. Com os recursos, a startup vai ampliar seu time, com o objetivo de escalar as áreas de vendas e tecnologia.

Central de Recebíveis (Cerc)

A Central de Recebíveis (Cerc) levantou R$ 67,7 milhões em sua maior rodada de captação até agora, que teve participação da Valor Capital e GP Investments. A empresa nasceu para atuar no registro de ativos financeiros, mas expandiu sua atuação e hoje atua também com registro de recebíveis de cartões, que se tornou um de seus principais negócios.

CombuData

A startup de Curitiba conquistou um aporte de R$ 2,8 milhões liderado pelo fundo Canary. Esse é o primeiro investimento captado pela startup fundada em 2019 e que oferece uma solução para ajudar empresas a economizarem com combustível.

Congresse.me

A startup que realiza congressos on-line recebeu investimento de R$ 1,1 milhão em rodada liderada pelos fundos Investidores.vc e Gávea Angels.

CyberLabs

A empresa carioca de inteligência artificial para identificação digital de pessoas recebeu aporte de R$ 28 milhões da Redpoint eventures. É a primeira captação da CyberLabs, fundada em 2017. 

Equillibrium

A startup de Florianópolis que atua no setor logístico recebeu aporte de R$ 1 milhão da Invisto, hub de investimentos em venture capital focado em negócios inovadores da região Sul do país.

FindUp

A empresa que oferece serviços de técnicos de informática por meio de um aplicativo recebeu um aporte de R$ 5 milhões da gestora de venture capital DOMO Invest. O dinheiro será usado para reforçar os canais de vendas e marketing da startup.

Gofind

A startup catarinense que usa inteligência artificial para ajudar o consumidor a encontrar produtos em sua região recebeu um aporte de R$ 1,5 milhão em rodada com participação da Invisto e liderada pelos investidores e empresários Malte Huffmann e Philipp Povel, fundadores da Dafiti.

Grupo Zelo

O maior grupo de funerárias do Brasil recebeu investimentos de R$ 350 milhões do fundo de private equity Crescera Capital, antes conhecida como Bozano Investimentos. Do montante total, R$ 150 milhões serão aportados agora e o restante nos próximos dois anos dependendo do cumprimento de metas. 

Jestor

A plataforma de gestão para startups e pequenas empresas conquistou investimento de R$ 1,8 milhão em rodada liderada pela Canary. 

Joycar

A startup de mobilidade recebeu aporte de R$ 2,2 milhões por meio da plataforma online de venture capital EqSeed. As soluções carsharing da startup permitem a automatização de frotas corporativas com compartilhamento de veículos e soluções de controle de velocidade, bloqueio de partida e rastreamento em tempo real.

JustForYou

O fundo de investimentos em startups Neuron Ventures, da farmacêutica Eurofarma, fez um aporte na startup que usa inteligência artificial para desenvolver fórmulas personalizadas para xampus e condicionadores. O valor do aporte não foi divulgado.

Kestraa

A plataforma de gestão para comércio exterior recebeu aporte de R$ 15 milhões em rodada liderada pelo fundo de venture capital Canary e que contou com a participação de investidores-anjo.

MKT Bank

A fintech voltada ao mercado de marketing, eventos e publicidade recebeu um aporte de R$ 2 milhões da Circle Aceleradora, hub de inovação e negócios focado em martechs.

Oico

O marketplace de compra de materiais de construção captou novo aporte com anjos e os fundos FJ Labs e Maya Capital no valor de US$ 1,5 milhão.

Puravida

A Aqua Capital, uma gestora de private equity com foco em agronegócio e empresas de alimentos no Brasil e na América do Sul, investiu na foodtech Puravida, fundada em 2015. O valor do aporte não foi revelado. 

Unike Technologies

A startup que utiliza biometria para melhorar a experiência de consumo dos brasileiros anunciou captação de aporte de R$ 3 milhões em uma transação liderada pela Reussite Participações. A Unike vai investir o dinheiro em sua expertise de soluções de identificação e autenticação biométrica, com o objetivo de melhorar suas entregas no mercado de educação, varejo, entretenimento, saúde e meios de pagamento.

Wildlife Studios

A Vulcan Capital liderou a rodada de investimento Série B na startup brasileira de games Wildlife Studios. O aporte de US$ 120 milhões teve participação da Human Capital e elevou o valor de mercado da empresa a US$ 3 bilhões. Confira mais detalhes nesta matéria.

Zipp

O supermercado online recebeu investimento de R$ 3,5 milhões em rodada liderada pela Anjos Alumni CSB, rede de investimento-anjo de ex-alunos do Colégio de São Bento, e com a participação de investidores anteriores e de um outro grupo de investidores-anjo. 

Aquisições ocorridas no mês de agosto

Acesso Digital

A Acesso Digital, de biometria facial, comprou a Meerkat, empresa de Porto Alegre que desenvolve algoritmos para reconhecimento facial. O valor do negócio não foi revelado.

GeoPost

A operadora logística europeia GeoPost ampliou para 98% sua participação no capital social da transportadora brasileira Jadlog. Com 500 franquias e 17 filiais, a Jadlog atende mais de 40 mil clientes, desde pequenos varejistas até grandes empresas.

iFood

A empresa de delivery iFood comprou a eComanda, empresa de gestão cujo principal produto é um sistema de automação para restaurantes. O valor da aquisição não foi revelado.

Lavoro

A Lavoro, braço agrícola do Pátria Investimentos e um dos maiores distribuidores de insumos agrícolas da América Latina, adquiriu a Qualicitrus, que oferece ao agricultor serviços e tecnologia. Os valores do negócio não foram divulgados.

Logicalis

A Logicalis, empresa global de soluções e serviços de tecnologia da informação e comunicação, adquiriu uma participação de 30% na Kumulus, empresa especializada em serviços de nuvem e gerenciamento de dados. Com esse investimento, a Logicalis reforça sua capacidade de apoiar os clientes em sua jornada para a nuvem.

Magazine Luiza

A varejista anunciou a aquisição do site de conteúdo sobre tecnologia Canaltech e da Inloco Mídia, uma plataforma de mídia online desenvolvida pela startup Inloco. O Magazine Luiza também concluiu a compra da startup Stoq Tecnologia, especializada em soluções para pequenos varejistas fundada em 2015 na cidade de São Carlos, no interior paulista. Esta foi a quinta compra da empresa.

MOL – Mediação Online

A lawtech fundada em 2015 anunciou a aquisição da Robobiz, startup brasileira especializada em robotic process automation (RPA). A partir da aquisição, a MOL amplia a gama de soluções e funcionalidades na plataforma para atuar desde a captura de conflitos na origem, passando por otimização e automação de etapas e processos até a resolução e geração de acordos. Confira mais detalhes nesta matéria. 

Neobpo

Especialista em tecnologia e na criação de produtos digitais e serviços de atendimento, a Nepbpo adquiriu a Wasys, startup paranaense que já era uma parceira estratégica da Neobpo e fornecia à empresa soluções através de suas plataformas digitais para as necessidades de sua extensa carteira de clientes, que demandavam produtos especializados.

Qyon Tecnologia

A empresa de sistemas de gestão comprou a Dokfile, que atua há 10 anos no segmento de gerenciamento de documentos fiscais. 

Stefanini

A multinacional brasileira Stefanini comprou a Logbank, fintech que atua com um modelo em white label para soluções de pagamento, conta digital e máquinas de cartões de crédito e débito. As empresas não informaram o valor da transação. Confira mais detalhes nesta matéria.

Viver Incorporadora

A Jive Investments aumentou sua participação na Viver Incorporadora. Com o negócio, a gestora de recursos passa a deter mais 5,81% do capital social da Viver, que somadas as posições anterior equivale a 47.258.887 ações ordinárias, que representam 49,66% do total de ações de emissão da companhia brasileira. 

XP

O fundo de private equity da XP comprou o controle da rede de clínicas de botox Botoclinic em uma negociação de R$ 100 milhões. Os sócios-fundadores continuam como acionistas minoritários e executivos. A Botoclinic foi fundada em janeiro de 2019. 

investimentos


+INVESTIMENTOS EM STARTUPS

13 aportes e 12 aquisições em julho
20 aportes e 3 aquisições em junho no Brasil
10 aportes e 4 aquisições em maio no Brasil
9 aportes e 7 aquisições em abril no Brasil