WHOW

Empresas que oferecem soluções personalizadas ao cliente crescem mais

personalizacao

Empresas que conseguem entender a fundo seu cliente e impactá-lo de forma personalizada conseguem ter um maior faturamento do que o de seus concorrentes que não investem em uma maior proximidade com o cliente. Esta é uma das principais conclusões do estudo “Next in Personalization 2021”, divulgado em novembro deste ano pela consultoria McKinsey.

A pesquisa também trouxe dados importantes sobre a importância da personalização, obtidos por meio de pesquisas com consumidores norte-americanos:

  • Três quartos dos consumidores mudaram seus hábitos durante a pandemia, seja comprando em uma nova loja, experimentando um novo produto ou utilizando um novo método de compra, e mais de 80% destes pretendem continuar buscando novidades. Isto porque não estão satisfeitos com a falta de um atendimento personalizado ao longo de toda a jornada de compra;
  • 71% dos consumidores esperam que as empresas disponibilizem interações personalizadas. E 76% ficam frustradas quando a empresa falha nesse sentido;
  • A personalização motiva o desempenho da organização e melhora o atendimento ao cliente. Empresas com crescimento acima da média de seus setores destinam 40% mais do seu faturamento à personalização do que seus concorrentes que crescem menos.

Como os consumidores têm se tornado cada vez mais exigentes, eles passaram não apenas a querer a personalização, mas exigi-la. E isso torna-se importante em um contexto no qual a lealdade a empresas e produtos é cada vez mais fluida, tornando-se uma necessidade que as companhias acertem a mão com cada cliente se pretendem retê-lo por mais tempo.

Sair da versão mobile