DNA da inovação da Alemanha poderá oferecer soluções para a crise climática - WHOW

Eficiência

DNA da inovação da Alemanha poderá oferecer soluções para a crise climática

“Inovar é salvar o planeta”. Conheça o DNA de Inovação da Alemanha e descubra como a inovação poderá solucionar a crise climática

POR Carolina Cozer | 25/09/2020 18h46 Arte Grupo Padrão (@flaviopavan_76) Arte Grupo Padrão (@flaviopavan_76)

O VIII Congresso Brasil-Alemanha de Inovação, promovido pela Câmara Brasil-Alemanha, recebeu o keynote internacional Christoph Schmidt, Presidente do Instituto Leibniz of Economic Research, para falar sobre environment-driven innovation, ou seja, a inovação voltada para o meio-ambiente, em português.

O Professor começou a palestra explicando que o conceito de Economia Circular é igualmente relevante para economias jovens, como o Brasil, e para economias maduras, como a Alemanha. “As economias precisam adotar mudanças profundas para que o mundo se torne sustentável”, comenta.

Como a sustentabilidade tem guiado os esforços de inovação

Podemos falar sobre estabilidade econômica sem falar sobre inovação? Segundo Christoph Schmidt, isso não é possível. Para o keynote do evento, inovação é o centro da economia e a chave da transformação mundial. “Investir em máquinas, em força de trabalho e capital físico é muito limitado. A criatividade humana, em compensação, é infinita”, diz, explicando que inserir criatividade no mercado significa trazer novos produtos, novos processos e criar toda uma nova realidade. “Quanto mais inovarmos, mais baixos serão os custos globais para uma economia sem carbono. Inovar é salvar o planeta.”

“Assim, a inovação é a maior fonte de prosperidade que irá extrapolar todos os limites de desenvolvimento”

Christoph Schmidt, Presidente do Instituto Leibniz of Economic Research

O manifesto da Economia Circular determina que sociedades precisam transformar suas economias em fundamentalmente sustentáveis, através da redução de recursos, diminuição de lixo e menores emissões de gás do efeito estufa. Contudo, nada disso significa reduzir a prosperidade das nações ― muito pelo contrário; a ideia é inovar para que existam meios de manter a relevância econômica sem destruir o planeta.

DNA da Inovação Imagem: Morning Brew (Unsplash)

Sustentabilidade e política climática

De acordo com Christoph Schmidt, é fato indiscutível que o mundo depende de uma coordenação global e sincrônica para que seja possível lidar com a problemática das mudanças climáticas. “Reduzir emissões de carbono no mundo inteiro, de modo linear, só é possível com coordenação internacional”, sugere. “O objetivo da Europa é ser neutra em CO2, mas isso só faz sentido se outros países fizerem o mesmo”.

O DNA da inovação da Alemanha, segundo o Pesquisador, pode carregar um dos modelos a serem adotados no mundo para uma economia eficientemente disruptiva.

Indústrias de médio porte

Grande parte da indústria alemã é de médio porte, de propriedade familiar. Logo, a relação entre proprietários e trabalhadores é mais íntima. “Isso faz com que os trabalhadores entendam melhor sobre seus produtos, e as empresas se especializam fortemente em seus nichos”, diz Schmidt. “Isso gera estabilidade e distingue as estruturas das empresas alemãs do resto do mundo”.

Abordagem pragmática

A política industrial alemã tem uma abordagem horizontal, não-discriminatória ― tudo o que a Alemanha decide tem que ser para todos e não para um determinado grupo de pessoas. Também precisa ser transparente e confiável em todas as relações, além de altamente critica sobre o que funciona e não funciona.

Investimento

Os investimentos em pesquisa e educação no país também são bastante altos, oferecendo infraestrutura de qualidade e profissionais capacitados tanto intelectualmente quanto em mão-de-obra.

Ecossistema em teia

A inovação alemã é pensada como uma grande teia, em que diferentes atores interagem constantemente entre si, desde a ciência à pesquisa industrial. “Temos todo um espectro de institutos de pesquisa que concentram pesquisas de base, com muitos feedbacks entre a invenção e a inovação”. Assim, segundo o Professor, há forte senso de apoio entre todos os atores.

Whow Festival 2020 Arte Grupo Padrão


+SUSTENTABILIDADE

Esqueça a terapia das compras. A onda agora é consumo consciente no varejo
3 startups que estão transformando o meio ambiente do Brasil
Gestão Sustentável: o que é, e como as empresas podem adotá-la?
Gamificação e sustentabilidade dá jogo