Conheça os principais modelos de negócio da atualidade - WHOW

Sem categoria

Conheça os principais modelos de negócio da atualidade

D2C, C2C, B2E. Elas parecem fórmulas químicas, mas são novas formas de criar negócios. Saiba como diferenciar estas e outras siglas

POR Carolina Cozer | 19/03/2021 18h05 Foto (Shutterstock) Foto (Shutterstock)

As siglas B2B e B2C já são bastante difundidas no mundo dos negócios. Embora sejam os dois principais modelos para as empresas da nova economia, eles não são os únicos. A cada ano surgem mais variedades no mercado e não há um limite para o surgimento de novas transações comerciais.

Será que você conhece os principaismodelos de negócioe sabe diferenciá-los?

B2B – Business to Business

B2B são todos os negócios que envolvem transações comerciais de empresa para empresa. Terceirizações, vendas de matérias-primas e prestações de serviços são exemplos clássicos de negócios B2B. Um exemplo muito tradicional seriam as empresas de TI que gerenciam serviços para outras corporações.

B2C – Business to Consumer

As empresas B2C são aquelas que vendem algum tipo de serviço ou produto diretamente para pessoas físicas, sem a intermediação de terceiros. Lojas físicas ou e-commerces são exemplos de negócios B2C.

B2B2C – Business to Business to Consumer

Algumas empresas podem mesclar os modelos B2B e B2C em seu escopo de trabalho, como é o caso do Mercado Livre e tantas outras empresas que vendem tanto no atacado quanto no varejo.

B2E – Business to Employee

Todos os negócios transacionais entre empresas e funcionários são chamados de B2E. As relações comerciais desta natureza não são novas, e muitas vezes fazem parte do programa de benefícios que empresas fornecem a seus funcionários, como, por exemplo, descontos ou facilidades de pagamentos oferecidas aos colaboradores que querem comprar ou consumir algum serviço da empresa em que trabalham.

B2G – Business to Government

Empresas dedicadas a fornecer produtos ou serviços para o governo são chamadas de B2G. De empreiteiras que fazem obras públicas a softwares para órgãos públicos são exemplos deste modelo de negócio.

C2C – Consumer to Consumer 

Consumidores também negociam com outros consumidores. Quando uma pessoa física estabelece uma venda a outra pessoa física, ocorre uma transação C2C. Sites como OLX, Enjoei e Mercado Livre são facilitadores desse tipo de negócio, em que pessoas podem colocar seus objetos usados à venda. A economia colaborativa se enquadra neste modelo de negócio.

D2C – Direct to Consumer

Indústrias que vendem seus produtos diretamente para o consumidor final, sem o intermédio de lojas, são chamadas de D2C. Aqui, um exemplo comum são as fábricas de móveis que disponibilizam catálogo para venda de seus produtos aos clientes sem precisarem ir para o comércio. Esse modelo de negócio é vantajoso para os dois lados da transação, pois possibilita a redução de custos de distribuição.

E não perca as novidades nas nossas redes sociais no LinkedIn, Instagram, Facebook, YouTube e Twitter.

empreendedores Arte (Grupo Padrão)


+MODELOS DE NEGÓCIO

Novos modelos de negócio na saúde: mensalidades para exames e consultas
O que são negócios exponenciais?
15 termos de startups que todo empreendedor precisa saber; nível básico III
15 termos de startups que todo empreendedor precisa saber; nível intermediário II