Conheça o ecossistema de inovação no Maranhão - WHOW

Eficiência

Conheça o ecossistema de inovação no Maranhão

As principais empresas com programas de inovação aberta no estado são: Grupo Mateus, Vale e Grupo Educacional CEUMA

POR Eric Visintainer | 04/03/2021 12h05 Imagem Pierre Pierre do porto no estado do Maranhão Pixabay Imagem Pierre Pierre do porto no estado do Maranhão Pixabay

Neste última matéria especial do portal Whow!, sobre o “Ecossistema de Inovação no Brasil”, o estado de destaque é o Maranhão. Atualmente, existem 65 startups no estado da região Nordeste, de acordo com dados da plataforma StartupBase da Associação Brasileira de Startups.

Confira todos os conteúdos anteriores desta série ao final do texto.

E em um estudo de 2019 da mesma instituição, 30% das startups locais eram apontadas na fase de Ideação do negócio, bem como em Tração, e 40% em Operação.

A principal comunidade de empreendedores e inovadores do Maranhão, apontada pela Abstartups, é a “SOLuíses”. Criada em 2016, ela atua em colaboração com o ecossistema acadêmico da capital São Luis. E prova disso foi o lançamento em dezembro de 2020 da Agência de Inovação e Empreendedorismo na Universidade Estadual do Maranhão. Ela nasce para aproximar o mercado e trazer investimentos, produtos e soluções para os setores públicos e privado do estado.

O relatório ainda aponta três incubadoras (NINHO Incubadora da UFMA, Inova Maranhão e Howl Experience – Creative Pack) e duas aceleradoras (Baita Aceleradora Nordeste e Inova Maranhão) no estado. E entre os programas governamentais e entendidas locais que apoiam a inovação no Maranhão estão: Secretaria de Ciência Tecnologia e Inovação, Fundação de Amparo à Pesquisa e Desenvolvimento Científico do Maranhão, BNB, TECNOVA, FINEP, Inova Maranhão e o programa Centelha do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações.

Modelo de Negócios da inovação no Maranhão

Marketplace 26,3%

Outros – 21%

Consumer 15,7%

SaaS – 15,7%

Licenciamento 10,5%

Hardware 5,2%

E-Commerce 5,2%

fonte: StartupBase

As principais empresas com programas de inovação aberta, ou seja, que se relacionam com as startups locais são: Grupo Mateus, Vale e Grupo Educacional CEUMA.

Dentro da faixa de faturamento das startups no ecossistema de inovação no Maranhão, a vasta maioria, 84,6%, não tinha faturamento em 2019,  menos de oito por cento faturava menos de R$ 50 mil e o mesmo percentual havia conquistado, entre R$ 500 mil a R$ 1 milhão.

Segmento de atuação das startups locais

Serviços – 20%

Educação – 15%

Varejo/Atacado – 10%

Comunicação e Marketing -10%

Moda e Beleza – 10%

Logística e Mobilidade – 10%

Finanças – 5%

Recursos Humanos e Recrutamento – 5%

Indústria – 5%

Games – 5%

Desenvolvimento de software – 5%

fonte: StartupBase

As duas principais startups do estado tem sede em São Luis. A Imagina KIDS, edtech que foi fundada em 2016 e atua no modelo B2B, fornece recursos de transmídia para que alunos da educação infantil e fundamental desenvolvam os seus próprios livros. Ela já passou pelos programas de aceleração do Sebrae e Troposlab.

Já a Niduu, criada em 2017, foca no treinamento de colaboradores nas empresas, de forma contínua, por meio de microlearning, mobile learning e gamificação.


bannerecossistema


+ INOVAÇÃO

Conheça o ecossistema de inovação no Piauí
Conheça o ecossistema de inovação no Amapá
Conheça o ecossistema de inovação em Roraima
Conheça o ecossistema de inovação na Paraíba