5 principais mitos sobre empreendedorismo - WHOW

Eficiência

5 principais mitos sobre empreendedorismo

Apesar do empreendedorismo realmente não ser algo fácil, alguns mitos acabam assustando ainda mais aqueles que desejam entrar nesse mundo

POR Redação Whow! | 29/06/2021 16h01

Na hora de iniciar um negócio próprio, podem surgir várias dúvidas e inseguranças. Afinal, existem vários mitos que contam sobre empreendedorismo e isso pode tirar o incentivo de muitos profissionais que querem iniciar nesta jornada.

Por isso, vale a pena buscar maiores informações a respeito do mundo dos negócios. Assim, você garante que não irá cair em histórias que irão te desanimar. Se quer saber um pouco mais sobre os mitos que contam sobre empreendedorismo e como eles podem afetar sua vida, confira esse texto exclusivo que preparamos para você. Boa leitura!

Conheça 5 mitos que contam sobre empreender 

Existem vários boatos que podem desencorajar alguns profissionais a se tornarem empreendedores. Esses mitos não são todos verdadeiros, e muitos trazem ideias antigas a respeito do que é preciso para começar a sua empresa própria. Apesar do empreendedorismo realmente não ser algo fácil, alguns mitos acabam assustando ainda mais aqueles que desejam entrar nesse mundo. Por isso, separamos os cinco maiores mitos sobre empreendedorismo. Confira:

Mitos sobre empreendedorismo: Precisa de muito dinheiro para empreender

Esse é um dos mitos mais famosos sobre empreendedorismo. É verdade que ter dinheiro é importante para iniciar o seu negócio próprio, mas não são necessárias grandes quantias. 

Nesse sentido, existem diversos negócios que iniciaram com pouca renda. Por exemplo a HP, que tinha o capital inicial de apenas 538 dólares e demorou cerca de 30 anos para conseguir produzir o seu primeiro computador e ter sucesso. Atualmente a marca tem um faturamento de em média 120 bilhões de dólares ao ano.

Há ainda casos de empreendedores que investiram altos valores em um negócio que não prosperou. Nessas situações, podemos considerar que o capital não foi investido de maneira certa, ou o nicho não era o correto, ou então em uma solução que não resolvia uma dor de mercado.   Logo, aplicar o recurso com disciplina e organização é fundamental para o sucesso. O principal é encontrar algum segmento do mercado no qual você tenha afinidade e, então, trabalhar arduamente para conseguir o sucesso.

Mitos sobre empreendedorismo: Quem empreende tem grandes ideias

Outra ideia muito disseminada é que o empreendedorismo precisa de grandes ideias para iniciar. Mas isso não passa de um mito, não é preciso criar uma inovação disruptiva para se tornar um empreendedor.

Aqui, nesse tópico, podemos citar inúmeros casos de empresas que prosperaram vendendo a mesma coisa que as outras. É muito comum isso no ramo alimentício, pois sede e fome é algo que todos têm. O que vale é a oportunidade, aliada a conceitos básicos de empreendedorismo como: produto, preço, praça e promoção.

Não há a necessidade de comprar água a 50km da minha casa, se eu posso comprar no mercado da minha rua. O diferencial nesse caso foi a localização. No entanto, ainda vale ressaltar que se você tiver uma grande ideia, pode ser muito bem vindo para que o seu negócio prospere. Ou seja, seja qual for o seu segmento, você deve focar em oferecer uma boa experiência aos seus clientes

Mitos sobre empreendedorismo: Empreendedores não têm vida social

Quem nunca ouviu esse mito, não é mesmo? Muito se fala que empreendedores não têm vida social. Mas isso é mentira e inclusive pode ser danoso para o negócio se os donos não tiverem tempo para seus afazeres pessoais.

Ao ficarmos muito tempo focados numa mesma tarefa, a tendência é que a criatividade diminua, causando uma paralisação do trabalho. Por isso, é muito importante que, ao empreender, você tenha momentos de lazer e de autocuidado. Dessa forma, você verá como o tempo destinado ao trabalho será muito mais proveitoso e eficaz. Isto porque estará mais descansado e com mais saúde mental para encarar os desafios que o mundo do empreendedorismo traz.

Portanto, tenha muita organização para não deixar o trabalho interferir na sua vida pessoal. Busque responder o máximo de e-mails e resolver todas as questões urgentes antes da sua folga, e então tentar se desligar do trabalho por um período. Isso irá fazer bem para você e para o seu negócio.

Mitos sobre empreendedorismo: Quem empreende assume muitos riscos 

Talvez esse é o mito que mais afasta as pessoas do empreendedorismo. Afinal, não é todo mundo que pode assumir muitos riscos quando o assunto é dinheiro.

Porém, precisamos entender que nem todo empreendedor está assumindo grandes riscos. Já existem muitos negócios que conseguem grandes resultados, independente do momento econômico do BrasilOutra forma de diminuir riscos é dividi-los com outras pessoas. Para o empreendedor, os aliados nesse sentido podem ser tanto os sócios quanto os investidores anjo

Além disso, antes de abrir a sua própria empresa, vale a pena se informar com conteúdos relevantes sobre o mercado e quais são as tendências para o futuro da economia. Dessa forma, você consegue garantir mais segurança ao empreender, ao mesmo tempo em que irá diminuir os riscos do seu negócio não dar certo.

Mitos sobre empreendedorismo: Bons empreendedores nunca desistem

Talvez esse é o mito mais delicado de ser abordado. Afinal, é muito difícil desistir de um sonho, ainda mais a respeito do trabalho e do negócio próprio. Mas, ainda assim, é importante reconhecer quando é a hora de desistir. Seja de uma ideia, de um projeto ou um produto novo, ou até do negócio como um todo.

Infelizmente não são todas as empresas que irão vingar no mercado e saber a hora de desistir pode privar o empreendedor de assumir grandes dívidas. Ainda vale ressaltar que a desistência não é sinônimo de fracasso ou que você deve desistir da ideia de empreender. Mas sim que você tem a sabedoria de compreender quando deve recuar um pouco, para depois poder entrar no jogo novamente.

Conclusão

Em suma, podemos concluir que existem diversos mitos a respeito do empreendedorismo que nem sempre são válidos na prática. Muitos deles surgiram através de pessoas com insegurança a respeito do mercado, e esses conceitos continuam até hoje.

Por isso, é muito importante se informar através de portais mais sérios e que tragam dados verdadeiros sobre o mercado.

Se você deseja receber conteúdos relevantes e com credibilidade sobre o universo dos pequenos e médios negócios, assine agora mesmo a nossa newsletter gratuitamente e fique por dentro de tudo!