Confira (mais) 10 tendências para 2022 no mundo dos negócios - WHOW
Tecnologia

Confira (mais) 10 tendências para 2022 no mundo dos negócios

Entre as tendências apresentadas, podemos destacar a chegada do 5G impactando diversas indústrias e a potencialização do ensino à distância

POR Marcelo Almeida | 22/12/2021 18h41 Confira (mais) 10 tendências para 2022 no mundo dos negócios Imagem ilustrativa

Dando prosseguimento a nossa divulgação de tendências, o Whow! traça outras 10 tendências para você, empreendedor, ficar atento em 2022. Para isso, fomos auxiliados por dicas e insights de empresas das mais diversas áreas profissionais.

Algumas áreas tiveram um desenvolvimento muito grande nos últimos dois anos por conta da atual pandemia que sofremos, como é o caso do EAD (Ensino à Distância).

Diversos players do setor de educação que apostavam em um modelo presencial mais tradicional se viram obrigados a adotar o ensino à distância para seguirem atuando durante a crise, o que acabou sendo positivo no sentido de criar um ambiente mais competitivo e com uma busca cada vez maior pela excelência neste modelo. Além de ser mais barato do que as opções presenciais em geral, o EAD também permite que pessoas que moram em lugares mais distantes façam cursos que não teriam condições de fazer se tivessem que se deslocar para cidades maiores para realizá-los.

Outros temas que devem permanecer em pauta é a evolução da automação e o uso de bots para livrar os funcionários de funções repetitivas e maçantes e que podem levar a erros por falta de atenção. A tecnologia 5G tornando a sociedade ainda mais conectada com uma velocidade de conexão ainda maior. O uso da tecnologia para promover maior mobilidade às pessoas.

Também temos a gamificação cada vez mais sendo implementada pelos mais diversos players para ajudar no ensino das mais diferentes matérias. O desenvolvimento de soluções mais robustas para lidar com o risco cada vez maior de invasões e de roubo de dados por crackers, sobretudo por meio da modalidade ransomware.

Confira essas e outras tendências com os comentários de empresários de cada setor:

EAD alcançando um novo patamar e se consolidando no país

O ensino à distância virou protagonista dos processos de estudo nos últimos tempos, sendo o principal meio para acompanhar aulas e consumir conteúdos educacionais. Nesse cenário, as organizações e instituições de ensino precisaram se adaptar rapidamente. Para a  edtech Sambatech, este modelo de educação ainda deve passar por algumas evoluções e a tendência é que se consolide mais com o passar do tempo.

Corroborando com este posicionamento, Caio Moretti, CEO do Qconcursos, explica que é questão de tempo para que o formato se fortaleça ainda mais. “Plataformas desenvolvidas especialmente para o EAD melhoraram o sistema de aplicação de provas, armazenamento de conteúdos e gravação de aulas, por exemplo. A tendência é que a educação à distância se torne cada vez mais produtiva”, diz ele.

Robôs colaborativos e humanos atuando juntos

Com os famosos cobots em funcionamento, eles podem facilmente assumir tarefas repetitivas, sujas ou perigosas. Assim, a mão de obra humana pode ocupar funções que são realmente importantes e estratégicas. A Universal Robots, empresa pertencente à Teradyne, tem como objetivo tornar a tecnologia robótica acessível por meio do desenvolvimento e distribuição desses braços robóticos.

Um exemplo de como a tecnologia pode ajudar no e-commerce é a Virtus Automation & AI. A startup trabalha com automação robótica de processos (RPA) como um serviço (RAAS) e inteligência artificial (IA) em sua base. Um de seus produtos faz a busca ativa pelos interesses dos consumidores online e define automaticamente a melhor estratégia de marketing para alcançá-los.

Centrais de Rastreamento veiculares e Gestão de Frotas 

Com o crescimento do mercado de Internet das Coisas (IoT) no Brasil, negócios desenvolvidos por meio dessa tecnologia serão cada vez mais tendências no próximo ano, como é o caso das Centrais de Rastreamento veiculares e gestão de frotas. Uma empresa que vem se destacando nesse cenário é a Getrak, maior provedora de tecnologia para empresas de rastreamento veicular e IoT da América Latina. . Ao todo, possui mais de 1000 centrais de rastreamento, 750 mil veículos rastreados e mais de 380 municípios ativos.

Advento da tecnologia 5G

Não há dúvidas que o 5G trará possibilidade de novos negócios na indústria com velocidade e capacidade de transmissão de altas massas de dados. Um player que está ligado nessa novidade é a GaussFleet, plataforma de gestão de máquinas móveis para mineradoras e siderúrgicas. De forma inovadora, a empresa utiliza geoprocessamento, telemetria avançada e IoT na gestão de máquinas pesadas dentro de minas e usinas, e tem como missão tornar a indústria de base brasileira mais competitiva por meio da tecnologia e algoritmos próprios, de forma desburocratizada.

O 5G vai cravar ainda mais as mudanças nos departamentos de RH. “É bem provável que o 5G ajude a aposentar o trabalho presencial, ou pelo menos mudá-lo radicalmente. A velocidade da conexão permitirá que qualquer colaborador se conecte em tempo real à empresa. Será possível vislumbrar a implementação de processos assíncronos por voz e reuniões onde ninguém precisará estar presente para participar efetivamente” explica Pedro Luiz Pezoa, CEO da Pointer.

Tecnologia aliada ao transporte público

A volta do trabalho presencial ou híbrido vai aumentar mais ainda o fluxo de pessoas em transporte público, e 2022 será o ano das soluções inteligentes para o passageiro. Em São Paulo, por exemplo, o pagamento de tarifa de ônibus via QR Code já saiu da fase experimental e a expectativa é que o próximo ano a facilidade chegue a mais paulistanos. O SP Pass permite que o passageiro possa carregar créditos no app e pagar a passagem sem precisar encostar em dinheiro.

Mercados autônomos em condomínios comerciais

Os mercados autônomos ganharam força durante o período pandêmico e continuam sendo tendência em 2022. Com a volta da rotina presencial no próximo ano, muitos centros comerciais têm apostado nesse tipo de negócio para oferecer mais comodidade aos colaboradores. Referência no segmento está o market4u, maior rede de mercado autônomo e inteligente do Brasil. Até o momento, a empresa já está presente em 84 cidades brasileiras, possui mais de 200 mil clientes ativos e a previsão é chegar a mais de 10 mil unidades instaladas em 2022.

Soluções contra fraudes e crimes virtuais 

Com o uso cada vez maior do comércio eletrônico, os criminosos virtuais também passaram a mirar nesse mercado com mais intensidade. Para não ter prejuízos com compras fraudulentas, os lojistas precisaram buscar por soluções que agissem para impedir a ação dos golpistas, como a oferecida pela Konduto, empresa de antifraude que garante segurança à operação de lojas virtuais, fintechs e meios de pagamento, combatendo a fraude em transações digitais com eficiência.

Gamificação

Com a chegada da pandemia, o universo corporativo, que era acostumado com o trabalho presencial, precisou se adaptar ao home office. Algumas ferramentas e estratégias ajudaram, engajando e motivando as equipes, como é o caso da gamificação, utilizada pela Qranio em sua plataforma mobile de aprendizagem e nos treinamentos corporativos, e a tendência é que ela continue a ser utilizada nos próximos anos.

Uso de ferramentas online para fazer planejamentos

Em um cenário onde novidades aparecem o tempo todo e processos exigem agilidade e assertividade, elaborar planejamentos para conquistar metas é essencial, e a tendência é fazer isso de maneira digital, trazendo mais facilidade e rapidez. Para ajudar nesse processo, as pessoas podem utilizar aplicativos como a 7waves, desenvolvido para o apoio ao planejamento pessoal e conquista de objetivos.

Uso da inteligência artificial na área da saúde 

A implementação da inteligência artificial na área da saúde tem trazido diversos benefícios para o dia a dia dos médicos e pacientes, como agilidade no atendimento e maior precisão para o diagnóstico de doenças. Entre as empresas que atuam nessa área, destaca-se a NeuralMed, que desenvolve  soluções de auxílio à triagem e para o fluxo de pacientes nas instituições de saúde, utilizando a inteligência artificial para analisar imagens e textos médicos.