Como o Marketing sensorial pode aumentar suas vendas?
Vendas

Descubra como o marketing sensorial pode aumentar suas vendas

Entenda o que é essa estratégia, como ela mudou a forma tradicional de vender, formas de aplicá-la em qualquer negócio e exemplos

POR Redação Whow! | 05/08/2021 11h36 Descubra como o marketing sensorial pode aumentar suas vendas

Você já entrou em alguma loja que possui um cheiro característico? Ou então já viu algum anúncio online que tinha uma música que chamou muito a sua atenção?

Ao entrarmos em contato com os produtos ou serviços, durante o processo de compra, mais de um sentido pode ser ativado. E, quando uma marca sabe aproveitar todos os estímulos sensoriais, as chances de venda e de fidelização são muito maiores. 

Conheça agora um pouco mais sobre a estratégia do marketing sensorial e como ela pode ser aplicada em qualquer tipo de negócio.

Afinal, o que é marketing sensorial?

O próprio nome já dá dicas do que significa o marketing sensorial. Trata-se de um conjunto de ações desenvolvidas por uma marca  buscando ativar os cinco sentidos (olfato, visão, paladar, audição e tato), chamando a atenção de atuais e futuros clientes por meio de experiências sensoriais. O objetivo é despertar o interesse por um produto ou serviço ou apenas reforçar a imagem de uma marca.

Assim, mensagens subliminares criam um ambiente ou situação favorável às vendas. Em resumo, considere as possibilidades do seu negócio e trabalhe os sentidos em uma estratégia de marketing sensorial. Vale ressaltar que você pode optar pelo uso de todos ou apenas um, tudo depende do seu produto.

No processo de compra de um carro, por exemplo, talvez ativar o paladar dos clientes não faça tanto sentido, dependendo da estratégia. Por outro lado, o olfato, a visão e o tato, sim.

3 Exemplos de marcas que utilizam Marketing sensorial

Da Melissa à Netflix: veja agora exemplos de grandes marcas que aplicaram positivamente a estratégia de marketing sensorial.

Melissa e o nostálgico cheiro de tutti frutti

A Melissa é uma tradicional marca de sandálias de plástico que conquistou fãs pelo Brasil inteiro, não somente pelas “melissas”, como também pelo cheiro característico de suas lojas e produtos. 

A marca desenvolveu em todos os seus calçados um aroma de tutti frutti, cativando assim consumidores fiéis. Além disso, o cheiro permanece na sandália, mesmo após usada, mantendo o cheirinho por algum tempo.

Cervejaria Beck´s

Você sabia que o som pode alterar as percepções do paladar? A cervejaria Beck´s, sabendo disso, durante a divulgação da marca no Brasil, desafiou clientes a tomarem cervejas concorrentes ouvindo uma música que fazia justamente isso: alterava as percepções de sabor da bebida, para mais amargo ou doce. 

O objetivo da ação era deixar marcada a característica principal da Beck´s, que é o seu sabor amargo. 

Netflix e o “TUDUM”

A Netflix mostrou como que também é possível aplicar o marketing sensorial no mundo digital. Afinal, quem não conhece o famoso som “TUDUM”, que sempre aparece na hora de iniciar um filme ou série?

E, para reforçar ainda mais essa estratégia, a marca criou um evento, que aconteceu online em 2020, chamado “TUDUM”, distribuindo almanaques sobre a empresa, além da divulgação de playlists e listas de filmes, séries e documentários da plataforma.

O Marketing sensorial mudou a forma de vender 

A experiência, como um todo, impacta a decisão de compra e algumas pesquisas falam sobre isso. Uma delas foi desenvolvida pela consultoria PwC e chamava-se “O futuro da experiência do cliente 2017/2018”.

O estudo apontou que os brasileiros são os consumidores que mais valorizam a experiência na hora da compra: 89% deles afirmam isso. Mundialmente, 73% dos entrevistados falam a mesma coisa. 

Isso mostra uma tendência muito forte no mercado: hoje, as pessoas não estão preocupadas somente se o seu produto ou serviço é de qualidade e sim, se a experiência que a sua marca oferece vale a pena.  De um bom atendimento até um aroma ou som característico, tudo vale para chamar mais atenção e conquistar os consumidores e as marcas já perceberam isso. 

O processo de compra é formado por vários microprocessos, resultantes de interações momentâneas dos clientes com sua marca. Assim, desenvolver estratégias que busquem encantar as pessoas em cada um desses pontos de contato contribui para o sucesso do relacionamento com o consumidor. Consequentemente, das vendas também. 

Em suma, o cliente hoje é quem está no centro e não as marcas. 

Como implementar Marketing sensorial na sua empresa?

Quer aplicar o marketing sensorial na sua empresa e não sabe por onde começar? A dica principal é analisar, dentro do que o negócio oferece, quais sentidos podem ser estimulados.

Defina como realizará o estímulo, considerando a sua realidade. É claro que, caso você possua uma loja física, as possibilidades  de estímulo dos cinco sentidos são bem maiores:

  • Tato e visão: opte por estofados mais confortáveis, bem como uma decoração agradável e que combine com o tipo de público que você atende;
  • Audição: Uma música ambiente característica também pode ser utilizada. Inclusive, já existem empresas que fazem o trabalho de branding com músicas, como a Bananas Music Branding. Nesse sentido, você pode criar playlists personalizadas compartilhando com seus clientes.
  • Olfato: que tal desenvolver também um aroma específico para sua empresa? Também já existem negócios especializados neste tipo de trabalho, como a Cheiro Bom. Contudo, caso esteja um pouco fora da sua realidade financeira, opte por sempre manter o mesmo cheiro na sua loja;
  • Paladar: já pensou em oferecer pequenos lanches para os seus clientes? Assim, enquanto eles aguardam o atendimento, podem também estimular este sentido.

Assim, perceba que, quando todos os sentidos de um cliente são ativados, a experiência de compra fica mais completa e também marcante. 

Mas, e no caso das empresas que atuam online?

Se você atua com uma loja virtual de roupas,  por exemplo, pode focar também em cheiros específicos para os seus produtos e playlists específicas, além de uma boa apresentação visual dos seus produtos, tanto na internet quanto na embalagem da entrega. 

Contudo, você pode ativar o paladar dos seus clientes, na entrega de seus produtos, enviando bombons ou pequenos mimos, por exemplo. 

Como mencionamos, o ideal é analisar quais são os sentidos mais importantes a serem estimulados. 

Como o Marketing sensorial pode aumentar suas vendas?

O marketing sensorial, além de proporcionar uma experiência incrível aos seus clientes, também contribui para a criação de um forte vínculo emocional de uma empresa com seu público.

O resultado disso é uma facilidade na conquista de novos consumidores e fidelização dos atuais. Como consequência, ocorre um aumento das vendas na empresa.  Vale lembrar também que fidelizar clientes é muito mais barato do que conquistar novos consumidores. Nesse sentido, a receita da empresa também é impactada positivamente. 

Para finalizar, o marketing sensorial oferece formas não convencionais de interação com os produtos e serviços, o que acaba sendo um diferencial competitivo da sua empresa em relação à concorrência. 

Agora que você já conhece mais sobre o marketing sensorial, assine gratuitamente a newsletter do Whow, para receber, todos os dias, artigos interessantes sobre empreendedorismo, gestão, mercado e tecnologia!