Como o employer branding ajuda a atrair e reter talentos para sua empresa - WHOW
Pessoas

Como o employer branding ajuda a atrair e reter talentos para sua empresa

O employer branding é um conjunto de técnicas e ferramentas para gerar uma percepção positiva do mercado a respeito da empresa como local de trabalho.

POR Marcelo Almeida | 17/12/2021 14h00 Como o employer branding ajuda a atrair e reter talentos para sua empresa

Atrair e reter bons profissionais é uma tarefa difícil para toda empresa. Parte dessa dificuldade está relacionada a um contexto de mudança de comportamento dos colaboradores: hoje em dia, os profissionais não ligam tanto para trabalhar em grandes empresas renomadas e o glamour que isso representa, por exemplo, considerando mais importante atuar em empresas que tenham valores convergentes com os seus, com uma cultura organizacional alinhada a seu propósito e um bom ambiente de trabalho de forma geral.

Além disso, os talentos do mercado procuram negócios que lhe permitam crescer na empresa ao mesmo tempo em que conseguem se desenvolver pessoalmente, com um bom equilíbrio entre vida profissional e pessoal contando cada vez mais na busca por uma melhor qualidade de vida.

Diversas pesquisas apontam que a maioria dos candidatos pesquisam sobre a empresa antes de se candidatar a vagas que elas oferecem, em um processo semelhante ao que ocorre quando eles pretendem comprar algo, mostrando como podem existir paralelos entre estratégias de marketing para vendas e para talentos.

Para ser capaz de criar um employer branding (marca empregadora) de sucesso, é fundamental que as empresas mantenham uma boa imagem e tenham uma boa reputação, além de uma cultura organizacional que seja capaz de atrair os talentos certos.

Definindo o employer branding

O employer branding pode ser definido como um conjunto de técnicas e ferramentas para gerar uma percepção positiva do mercado a respeito da empresa como local de trabalho.

Nesse sentido, ela contempla toda a jornada do talento, desde o primeiro momento em que ele toma conhecimento da empresa, até os posteriores como o recrutamento e seleção, contratação e mesmo o desligamento.

Trata-se, portanto, de uma estratégia de branding que busca reforçar os pontos positivos de como é trabalhar na organização para fortalecer a sua imagem e atrair pessoas talentosas e que se identificam com essa imagem projetada.

Quando executado da forma certa, o employer branding permite aos potenciais colaboradores e aos atuais colaboradores que considerem a empresa como uma boa opção para sua carreira, representando uma oportunidade para o desenvolvimento de seu potencial produtivo e valorização profissional.

A partir dessa percepção, torna-se mais fácil atrair candidatos talentosos para os processos seletivos, assim como otimizar a performance dos colaboradores que já atuam na empresa, já que acabam tendo uma motivação maior para seguir na empresa quando têm uma percepção positiva dela.

Cabe ressaltar que as características que devem ser projetadas precisam corresponder de forma fiel aos valores e práticas da empresa. Tentar projetar uma imagem que não corresponda à realidade apenas para ter um melhor posicionamento do mercado e atrair melhores talentos pode causar danos irreparáveis à empresa quando a disparidade vier à tona.

Além disso, deve existir um cuidado também para não superestimar ou inflar certas características da empresa, tornando-as muito mais importantes do que realmente são. É preciso que a empresa seja capaz de substanciar o que projeta, caso contrário terá problemas.