O que você deve saber sobre as profissões do futuro - WHOW
Tecnologia

O que você deve saber sobre as profissões do futuro

Pensamento analítico e inovação estão entre as habilidades mais requisitadas pelas profissões do futuro, segundo o World Economic Forum

POR Carolina Cozer | 23/10/2020 19h25

De acordo com o recente relatório O Futuro do Trabalho, lançado pelo World Economic Forum neste mês de outubro, a pandemia trouxe aceleração para as profissões do futuro, sobretudo com a nova recessão que a crise ocasionou.

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) afirma, em paralelo, que a taxa de desemprego global cresceu cerca de 6,6% desde o início de 2020. É possível que esse número cresça ainda mais até o findar do ano, caso não haja transformações que impulsionam novas formas de se trabalhar.

Segundo o estudo da World Economic Forum, a escala de trabalho remoto cresceu 83% neste ano em todo o mundo, e a digitalização dos negócios subiu para 84%. A automação, por outro lado, teve um crescimento menor, mas também muito significativo: a força de trabalho robótica cresceu um total de 50%, para que as empresas pudessem dar conta dos projetos com as pessoas em isolamento social.

Robôs: ladrões de jobs?

Falando em automação, o relatório prevê que, até 2025, as horas de trabalho realizadas por máquinas e pessoas serão iguais: 50% para cada lado, e cerca de 85 milhões de funções serão substituídas pela automação ― principalmente em funções manuais ou repetitivas.

Mas será que a automação irá, então, aumentar os índices de desemprego? Segundo o estudo, não exatamente. Até 2025, quase 100 milhões de novos empregos devem surgir no planeta, graças às novas tecnologias que estão despontando, sobretudo com a chegada da internet 5G, e com os robôs tomando a frente da mecanização. Logo, mais empregos baseados em tecnologia e funções intelectuais deverão ficar por conta dos humanos.

As funções que serão mais solicitadas, segundo o estudo, incluem analistas de dados e cientistas, especialistas em IA e aprendizado de máquina, engenheiros de robótica, desenvolvedores de software e apps, bem como especialistas em transformação digital, analistas de segurança da informação e especialistas em internet das coisas.

Top 10 habilidades mais requisitadas para as profissões do futuro

Apesar da maior parte das funções mais solicitadas envolverem skills de exatas, as habilidades mais exigidas para os profissionais incluirão trabalhar com pessoas, habilidades para resolução de problemas e autogestão, como resiliência, tolerância ao estresse e flexibilidade. Ou seja, será preciso que os trabalhadores desenvolvam um mix de habilidades técnicas e empáticas.

Confira a lista elaborada pelo World Economic Forum com as 10 habilidades que serão mais exigidas para as profissões do futuro:

Pensamento analítico e inovação ✓
Aprendizagem e estratégia ativas ✓
Capacidade para resolução de problemas ✓
Análise e pensamento crítico ✓
Criatividade, originalidade e iniciativa ✓
Liderança e influência social ✓
Uso, monitoramento e controle de tecnologia ✓
Programação e design tecnológicos ✓
Flexibilidade, resiliência e tolerância ao stress ✓
Raciocínio, resolução de problemas e ideação ✓


+PROFISSÕES DO FUTURO

Profissões do futuro: veja o perfil dos profissionais de product management
Surge um novo cargo nas empresas: o líder de diversidade
Você sabe o que faz um CHO – Chief Happiness Officer?
Novos modelos de liderança: como eles ajudam na inovação e os seus efeitos nos negócios