Business Intelligence: o que é? - WHOW

Eficiência

Business Intelligence: o que é?

Business Intelligence ou BI: entenda aqui como esse tipo de ferramenta ajuda na gestão de uma empresa. Veja conceitos, benefícios e como implementar

POR Redação Whow! | 22/06/2021 18h30

Business Intelligence ou simplesmente BI é um tipo de ferramenta muito útil para gestores de empresas em geral, independente do tamanho do negócio. O BI transforma dados que, isolados, não teriam sentido, em informações, que apoiam a tomada de decisão empresarial.  

Neste conteúdo, entenda mais sobre o conceito do Business Intelligence, os principais benefícios, como funciona, os pilares e como implementar essa ferramenta.

O que é Business Intelligence?

“O que não é possível medir, não se pode gerenciar.”: com certeza você já deve ter ouvido essa frase. E, quando falamos em gerenciar uma empresa, ela faz todo sentido. Afinal, é imprescindível acompanhar os números e entender o que está acontecendo, em cada pilar  do negócio. 

Entretanto, como fazer isso de uma forma que não consuma o escasso tempo que têm os gestores e, na maioria das vezes, donos do negócio? Quais dados devem ser acompanhados diariamente? A resposta para essas perguntas pode estar no uso do BI.

BI ou Business Intelligence é um termo que vem do inglês e significa Inteligência de Negócios. Trata-se de um conjunto de métodos que envolvem captação, mineração e visualização de dados empresariais, com o objetivo de auxiliar gestores na tomada de decisão. 

Esse conceito é traduzido e/ou aplicado em ferramentas de BI, que reúnem esses dados para facilitar a interpretação das informações. Vamos a um exemplo prático: você é gestor de uma empresa e quer acompanhar melhor como estão as vendas e como a área  de marketing está atuando na captura de leads

Sem um sistema de Business Intelligence, você precisaria captar as informações que vêm da área  de vendas, depois captar as informações do setor de marketing e cruzá-las, a fim de obter essa relação. Um sistema de BI, por si, consegue fazer isso, além de oferecer a visualização em gráficos que facilitam a interpretação.

Muitos deles permitem, inclusive, o acesso pelo próprio celular. Dessa forma, com apenas um clique, é possível extrair informações relevantes para a tomada de decisão. Entenda agora como o conceito BI é aplicado nessas ferramentas. 

Como o Business Intelligence funciona?

Uma ferramenta de BI funciona captando, minerando e gerando dados estruturados sobre o negócio, conforme o que foi definido em sua configuração, que por sua vez, quando interpretados, geram inteligência de negócios para os gestores. Para isso, ela é integrada ao sistema da empresa, para ter acesso aos dados gerados por ela.

Dessa forma, um sistema de Business Intelligence é capaz de concentrar, em um único lugar, informações vindas de vários outros setores da empresa. Entretanto, para que o uso da ferramenta faça sentido, é importante saber que ela não “dirá” a resposta para o gestor e sim, oferecerá insumos para ele a encontre.

Nesse sentido, antes de pensar em contratar uma ferramenta de BI, é importante analisar o papel dela no seu  negócio. Junto com isso, deve ser definido onde estão os principais gargalos que precisam, naquele momento, de acompanhamento. Um erro bastante comum é querer analisar todos os dados ao mesmo tempo, sem antes estudar a própria empresa, e saber quais informações precisam ser analisadas.

Utilizar o BI, por si só, não garante o aumento das vendas e nem a melhora do atendimento, por exemplo, e sim, dá condições aos gestores  tomarem decisões mais assertivas do que se estivessem às escuras.

Além de oferecer o apoio na decisão, uma ferramenta de BI possui outros benefícios. 

Benefícios na adoção de Business Intelligence

Você conhece mesmo a sua empresa?  Dentre os principais benefícios, adotar um BI ajuda você a conhecer melhor a sua própria empresa, de uma forma mais clara através de dados reais. Além disso, todas as informações podem ser compartilhadas entre os membros do local de trabalho. 

Assim, dentre outras coisas, é possível tem identificar:

  • pontos de perdas e gargalos no negócio;
  • novas oportunidades de vendas e de crescimento da empresa;
  • tendências nos comportamentos dos clientes.

Tudo isso, com o auxílio de uma ferramenta de BI, pode ser feito de forma rápida e fácil, através dos painéis e dashboards. O resultado são decisões mais ágeis e mais assertivas.

Mas, para que isso aconteça, por trás do conceito do Business Intelligence existem pilares importantes. 

Conheça os pilares do conceito de Business Intelligence

Para reforçar, quando falamos apenas em Business Intelligence, estamos nos referindo ao conceito deste método. Ao citar ferramentas de BI, estamos falando dos sistemas que põem em prática esse conceito. 

Assim, podemos definir como os três pilares do Business Intelligence: coleta dos dados, organização e análise; monitoramento das ações.

A coleta dos dados é o momento de extração no sistema da empresa. Engloba também a definição das métricas que serão analisadas, como por exemplo, quantidade de leads convertidos em um dia, advindos de uma ação específica de marketing.

Depois, com o auxílio agora das ferramentas de BI, gestores e equipes se organizam para analisar e levantar os fatores que culminaram em tais números.

Por último, temos a tomada de decisão referente à métrica analisada, bem como seu acompanhamento ou monitoramento. 

Como implementar o conceito de Business Intelligence na sua empresa

O uso de uma ferramenta de BI no negócio pode ser extremamente produtivo, pois facilita a visualização das informações importantes para seu sucesso. Porém, antes de implementá-la, a empresa precisa ser preparada para tal.

Para isso, o objetivo da empresa deve ser claro. Assim, é preciso analisar o momento atual e avaliar quais informações são necessárias para que a empresa percorra o caminho que deseje alcançar. Depois, é preciso checar os dados que irá coletar, analisar e acompanhar.. A partir dessas duas definições, já é possível buscar a ferramenta a ser utilizada

Nesse contexto, vale ressaltar que a escolha da ferramenta de BI merece atenção. Assim, deve-se procurar a que melhor se adequa com a sua empresa. Para isso, recomenda-se buscar especialistas no assunto.

Também é interessante realizar um estudo mais aprofundado sobre o tema, observando o que outras empresas, do mesmo padrão ou segmento que sua, trabalham com o BI. 

Gostou de entender mais sobre BI? E, para receber mais conteúdos interessantes como este, assine agora mesmo gratuitamente a newsletter da Whow!