WHOW

6 inovações de proptechs que transformam o mercado imobiliário

proptech

As proptechs são companhias que, basicamente, unem tecnologia e inovação à propriedade, atuando sobretudo no mercado imobiliário para garantir uma melhor experiência para compradores e vendedores do que teriam caso usassem uma imobiliária comum.

De acordo com as startups do setor, é possível reduzir burocracias e tornar transações mais rápidas, eficientes e seguras para o consumidor.

As proptechs atuam em toda a cadeia do setor, desde a procura pelo imóvel até a compra ou gestão de imóveis, financiamento de obras, lançamentos, documentação, dentre outros.

Entre janeiro e julho de 2021, estas empresas levantaram, no Brasil, cerca de US$ 879 milhões (R$ 4,77 bilhões) em investimentos de venture capital, mais de quatro vezes o valor registrado em 2020.

“O papel das proptechs é levar inovação e resolver as dores do mercado de imóveis independentemente de qual parte do processo ela se aplica. Utilizar a tecnologia para melhorar a rotina de quem constrói, compra ou vende faz parte do DNA deste ecossistema em crescimento”, afirma Igor Freire, CRO (diretor de receitas) da Resale, uma outlet de imóveis que desenvolve soluções para gestão e venda de ativos que retornam ao mercado provenientes das instituições financeiras, grandes empresas ou governos.

Para entender melhor as vantagens que essas companhias oferecem, Freire elenca as 6 principais vantagens de comprar um imóvel por meio de uma proptech:

1- Facilidade no contato com o vendedor porque muitos imóveis são anunciados em ferramentas de marketplace, nas quais há a oportunidade de troca de mensagens instantâneas desde o primeiro momento.

2- Possibilidade de visitar o imóvel virtualmente por meio do anúncio publicado pela proptech, otimizando seu tempo e até mesmo sem ter que passar por várias visitas presenciais em imóveis que não despertariam interesse.

3-  Economia de tempo e dinheiro, pois não têm determinadas ações que empresas com os modelos tradicionais do setor imobiliário teriam como juros muito altos. Com isso, facilitam o lançamento de novos imóveis e, por consequência, a atração de compradores e investidores.

4- Revolução digital completa ao mercado. Antes conservador e atrelado a um ciclo de ações mais tradicionais, a inovação leva soluções e recursos transformadores ao cliente.

5- Melhores condições na hora da compra, pois, com o aumento do uso da tecnologia, as empresas de inovação no meio imobiliário passaram a usar e investir em ferramentas que visam a melhoria e qualidade dos serviços prestados.

6- Por fim, oferecem uma maior segurança para o comprador, já que estão alinhadas com a tecnologia, buscando sempre o maior conforto para ambas as partes.

Sair da versão mobile