4 áreas-chave para a transformação digital - WHOW
Tecnologia

4 áreas-chave para a transformação digital

Veja as dicas da Harvard Business Review para empresas que desejam direcionar seus talentos corretamente no processo de transformação digital

POR Luiza Bravo | 05/06/2020 12h41

Muito se fala atualmente em transformação digital. Cada vez mais empresas buscam mudanças em seus processos para entregar valor ao cliente, mas muitas não sabem como conduzir essa revolução. O sucesso da transformação digital exige reunir e coordenar uma gama considerável de esforços, e falhar em algum aspecto pode significar arruinar todo o projeto.

O que é Transformação Digital

A transformação digital se apresenta de diferentes formas, dependendo da empresa. Em linhas gerais, pode ser definida como a integração da tecnologia digital em todas as áreas de uma organização, resultando em mudanças fundamentais na forma como ela opera e agrega valor aos clientes.

Além disso, é uma mudança cultural, que exige que as organizações se desafiem continuamente, experimentem com frequência e se sintam confortáveis ​​com o fracasso. Às vezes, isso significa abandonar processos utilizados há muito tempo, sobre os quais as empresas foram construídas, em favor de práticas relativamente novas que ainda estão sendo definidas.

Melhorar a experiência do cliente tornou-se um objetivo crucial, e por isso, atualmente a transformação digital pode ser considerada uma questão de sobrevivência. Embora os desafios da transformação digital variem de uma empresa para outra, alguns deles são comuns a todas as organizações, como capacidade operacional, cultura, liderança e integração da tecnologia.

A transformação digital é um processo árduo, e é preciso, antes de mais nada, muita resiliência para colocá-la em prática. A Harvard Business Review elencou quatro áreas-chave em que as empresas devem investir seus talentos para que tenham sucesso ao implementá-la.

Tecnologia

De acordo com a publicação, é essencial que as empresas reconstruam a confiança em suas equipes de TI, muitas vezes tratadas como uma parte simplesmente operacional da organização. Para isso, esses profissionais devem, além de dominar a vasta gama de tecnologias emergentes, ter boa capacidade de comunicação e de análise estratégica, para adotar soluções que, de fato, façam sentido para a empresa. 

Com tantas tecnologias surgindo, é crucial ter uma equipe capaz de entender como cada uma delas contribui para a transformação das empresas e de integrá-las a sistemas já existentes, que não podem ser alterados tão facilmente.

Dados

A transformação digital requer talentos que sejam capazes de lidar com dados de forma mais profunda do que é feito hoje pela maioria das empresas. A HBR destaca que as organizações desperdiçam muitos recursos ao designar funções e responsabilidades sobre dados aos colaboradores errados. De acordo com a publicação, é preciso ajudar os funcionários da linha de frente a melhorar seus próprios processos e tarefas de trabalho, para que eles lidem corretamente com uma quantidade de dados cada vez maior.

Processo

Repensar as maneiras de atender às necessidades do cliente e manter as atividades de trabalho constantemente conectadas é fundamental para uma transformação digital bem sucedida. Muitas empresas, no entanto, ainda têm dificuldade nesse ponto, por acharem difícil conciliar hierarquia com processos horizontalizados. A publicação aconselha as organizações a buscar ou treinar talentos que sejam capazes de discernir quando um processo precisa ser radicalmente redesenhado, de quando precisa apenas de melhorias, tendo sempre o cliente em foco.

Capacidade de Mudança Organizacional

Nesse tópico, estão incluídos fatores como liderança, trabalho em equipe, coragem e inteligência emocional, entre outros. A HBR sugere que, ao buscar colaboradores para encabeçar o processo de transformação digital, os líderes se atentem àqueles que, além de competências técnicas, possuam também excelentes habilidades voltadas para pessoas. Por fim, é importante não se esquecer do potencial das equipes multidisciplinares, com colaboradores capazes de encadear as etapas de maneira eficaz para que os objetivos da organização sejam alcançados.


+NOTÍCIAS

A importância de líderes digitais na nova realidade do coronavírus
Conheça negócios que estão crescendo na pandemia
Conheça as principais aceleradoras de startups da África e da Ásia
Moovit e N26 recebem aportes e trazem oportunidades para o cenário de inovação